Repositório Digital

A- A A+

Interações nos processos pedagógico-musicais da prática coral : dois estudos de caso

.

Interações nos processos pedagógico-musicais da prática coral : dois estudos de caso

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Interações nos processos pedagógico-musicais da prática coral : dois estudos de caso
Autor Dias, Leila Miralva Martins
Orientador Souza, Jusamara Vieira de
Data 2011
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Artes. Programa de Pós-Graduação em Música.
Assunto Educacao musical : Adultos
Educação musical : Sociologia
Porto Alegre (RS) : Coro de adultos
[en] Choir practice
[en] Everyday life
[en] Interactions
[en] Music education
Resumo Este estudo teve como objetivo geral compreender as interações nas dinâmicas de ensino e aprendizagem em duas práticas corais, na cidade de Porto Alegre, RS, e como essas interações se reproduzem na vida dessas pessoas, dando origem a novas sociabilidades para além da prática coral. Portanto, tentou-se ampliar o olhar da prática coral para além de seus resultados estético musicais. Neste estudo, assumem igual importância, tanto o processo de aprendizagem musical, como as questões sócio interativas dos seus integrantes. Os dois corais estudados fazem parte das atividades complementares de duas instituições de naturezas diversas, sendo uma delas ligada à área de educação e a outra, à área de saúde. A investigação procurou responder às questões: Por que as pessoas foram procurar os coros? O que assegura a permanência dessas pessoas no coro? Que tipo de relações são construídas na prática coral? Como essas relações se dão? Em que medida as práticas sócio-pedagógicas do coro conduzem ao estabelecimento de aproximações entre indivíduos, ou seja, ajudam a desenvolver neles a capacidade de convivência com a diferença? A opção metodológica do estudo consistiu de uma abordagem qualitativa, no estudo de dois casos, com base na observação participante. Assim, atuei como cantora nos dois coros, sendo que em um deles por um ano e, no outro, por um ano e meio. Elaborei diários de campo a partir de cada ensaio e cada apresentação pública dos quais participei nos dois coros, assim como nos outros eventos culturais dos grupos. Também foram realizadas entrevistas semi-estruturadas com as regentes, com alguns coristas decanos e novatos, com as equipes de apoio, além das entrevistas coletivas realizadas em cada um dos coros. A compreensão dos modos de interagir e atuar entre os coristas fundamenta-se nas idéias de interação desenvolvidas por Goffman e, no que diz respeito às práticas musicais coletivas, o aporte de Schütz. Recorro também às contribuições de Bauman ao analisar as perspectivas que podem ser abertas para o reencontro dos indivíduos que se sentem sós no meio da multidão, num mundo que se dissocia em conseqüência da perda da consciência e do respeito pela alteridade. Os dados levantados indicam que as interações entre os coristas podem conduzir ao sentimento de pertença característico das formações comunitárias.
Abstract This study aimed to understand the interactions in the teaching and learning dynamic in two choirs, in Porto Alegre, RS, Brazil, and how these interactions are reproduced in the lives of these people, originating new sociabilities beyond the choir practice. Therefore, we attempted to extend the look over the choral practice beyond its musical aesthetic results. In this study, are of equal importance, both musical learning process, and the social interactive issues of its members. Both the investigated choirs are part of the complementary activities of two institutions of different types, one being linked to the education area and the other, to health area. The research sought to answer: why did people search for the choirs? What ensures the permanence of these people in the choir? What kind of relations are built in the choral practice? How do these relations happen? To which extent do the socio-pedagogical practices of the choir lead to approaches among individuals, and help develop their ability to coexist with the differences? The study's methodological option consisted of a qualitative approach in the study of two cases, based on participant observation. In that way, I participated as a singer in both of the choirs, one of them for a year and, on the other, for a year and a half. I drafted field journals from each rehearsal and public presentation of which I took part in the two choirs, as well as in other cultural events of the groups. Semi-structured interviews were also held with the conductors, with some choristers, deans and beginners, with the support teams, in addition to the group interviews held in each of the choirs. The comprehension of the ways of interacting and participating among the choristers is based on ideas developed by Goffman and, in what refers to collective musical practices, on Schütz’s ideas. I also turn to the contributions of Bauman when analyzing the perspectives that can be opened for the reunion of people who feel alone in the crowd, in a world which dissociates in consequence of the loss of consciousness and respect for otherness. In conclusion, the collected data indicate that the interactions among the choristers can lead to belongingness typical of community formations.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/29233
Arquivos Descrição Formato
000776611.pdf (1.500Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.