Repositório Digital

A- A A+

Padrões de ingestão e deslocamento de bovinos e ovinos em ambientes pastoris complexos

.

Padrões de ingestão e deslocamento de bovinos e ovinos em ambientes pastoris complexos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Padrões de ingestão e deslocamento de bovinos e ovinos em ambientes pastoris complexos
Outro título Foraging and movement patterns of cattle and sheep in complex pastoral environments
Autor Bremm, Carolina
Orientador Carvalho, Paulo Cesar de Faccio
Data 2010
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Bioma Pampa
Comportamento animal
Pastagem natural
Pastejo
[en] Eragrostis plana Nees
[en] Heterogeneity
[en] Percentage of cover of tussocks
[en] Selection
[en] Short-term intake rate
Resumo O presente trabalho foi desenvolvido na EEA-UFRGS, em Eldorado do Sul/RS, entre novembro e dezembro de 2009, com o objetivo de avaliar as estratégias de pastejo de novilhas e ovelhas, buscando o entendimento das respostas dos animais frente a distintos níveis de cobertura de touceiras em pastagens naturais. Foi utilizado um delineamento experimental de blocos completamente casualizados com quatro repetições. Os tratamentos consistiram de diferentes proporções de cobertura de estrato superior: 0, 25, 50 e 75% de touceiras de capim-annoni-2 (Eragrostis plana Nees) em estádio vegetativo, considerado como o item não preferencial da dieta dos animais. O estrato inferior da pastagem era composto principalmente por Axonopus afinnis, Cynodon dactylon, Paspalum nicorae, Paspalum notatum, Desmodium incanum, Andropogon lateralis, Coelorachis selloana e Eleocharis viridans. A vegetação encontrada dentro das touceiras era composta principalmente por Desmodium incanum. Durante as avaliações de pastejo de 45 minutos, a cada 1 minuto foi anotado o estrato pastejado pelos animais, se inferior, superior ou dentro das touceiras. A taxa de ingestão foi medida por meio da técnica de dupla pesagem e para a determinação dos padrões comportamentais dos animais foram utilizados registradores de movimentos mandibulares (IGER). Os resultados mostraram que tanto as novilhas quanto as ovelhas selecionaram dietas com predominância de espécies do estrato inferior da pastagem, mesmo em áreas com predominância de touceiras. No entanto, a partir de 50% de infestação de capim-annoni-2, os animais aparentemente desistem de selecionar o estrato inferior da pastagem e passam a consumir as touceiras. Para as novilhas, as touceiras podem ter agido como uma barreira vertical e/ou horizontal interferindo no processo da formação do bocado e afetando a massa do bocado e conseqüentemente a taxa de ingestão de forragem, enquanto que as ovelhas, independente do nível de infestação de capim-annoni-2, conseguem selecionar Desmodium dentro das touceiras e manter a taxa de ingestão constante. Para cada aumento de 1% na proporção de touceiras, as novilhas substituíram 0,6% do pastejo no estrato inferior pelas touceiras, enquanto que as ovelhas reduziram apenas 0,36% do pastejo no estrato inferior. Dessa forma, conclui-se que o entendimento dos padrões de pastejo dos animais possibilita conhecer as estratégias necessárias para um manejo adequado e proporciona habilidade para interferir de forma positiva nos resultados de produção em pastagens naturais.
Abstract The experiment was carried out at the Research Station of the Federal University of Rio Grande do Sul, Brazil, between November and December 2009, with the objective of evaluating the grazing strategies of beef heifers and ewes for the understanding of the animal’s responses under different levels of cover of tussocks in natural grasslands. A complete randomized block design with four replicates was used. The grazing paddocks contained different proportions of tussocks in vegetative phenological stage: 0, 25, 50 and 75% of Eragrostis plana Nees, considered as the non-preferred item of the diet. The inter-tussocks areas were predominantly composed of Axonopus afinnis, Cynodon dactylon, Paspalum nicorae, Paspalum notatum, Desmodium incanum, Andropogon lateralis, Coelorachis selloana and Eleocharis viridans. The vegetation intra-tussocks was predominantly composed by Desmodium incanum. At 1-minute intervals during grazing activity of 45 minutes, records were taken whether the animals were grazing on tussock, inter-tussock or intra-tussock areas. The short-term intake rate was measured by weighing the heifers pre- and post-grazing corrected for insensible weight losses. Grazing time and jaw movements were recorded using behavior recorders. The results showed that both heifers and ewes selected diets with predominance of inter-tussock areas, even in areas with predominance of tussocks. However, from 50% of tussock’s percentage of cover, animals apparently give up to select the inter-tussock stratum and start to graze the tussocks. For heifers, tussocks may act as a vertical and/or horizontal barrier interfering in the process of bite formation and affecting bite mass and short-term intake rate, while for ewes, independent of the tussock’s percentage of cover, they could select the Desmodium intra-tussock and maintain their short-term intake rate constant. With each increase of tussock’s percentage of cover, heifers reduced 0.6% of their grazing time on the inter-tussock areas, while the ewes reduced only 0.36% of grazing inter-tussock areas. Thus, we conclude that the understanding of the grazing patterns permits to know the necessary strategies to an appropriate management and provides the ability to intervene positively on the production’s results in natural grasslands.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/29247
Arquivos Descrição Formato
000772729.pdf (3.197Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.