Repositório Digital

A- A A+

O rap e o funk na socialização de jovens : um estudo de caso

.

O rap e o funk na socialização de jovens : um estudo de caso

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O rap e o funk na socialização de jovens : um estudo de caso
Outro título Rap and funk in the socialization of young people - a case study
Autor Flores, Ludmila Dovizinski
Orientador Garbin, Elisabete Maria
Data 2011
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Curso de Especialização em Pedagogia da Arte.
Assunto Identidade
Juventude
Música
[en] Education
[en] Music
[en] Youth identities
Resumo A presente pesquisa tem como foco o estudo da música como meio de expressão e socialização de jovens com idades entre 10 e 14 anos que freqüentam o SASE (Serviço de Apoio Sócio-educativo) no turno inverso da escola. Esse espaço educativo está situado na zona Leste de Porto Alegre. Os jovens que usufruem desse serviço são considerados jovens que vivem em situação de vulnerabilidade social. Os estilos de músicas ouvidos por esse grupo são majoritariamente Rap e Funk. Partindo das observações e reflexões realizadas acerca das atitudes desses jovens em relação à música foi elaborado o seguinte problema: Em que medida o consumo musical, especificamente os estilos Funk e Rap operam na subjetivação de sujeitosjovens da periferia? Os principais objetivos dessa pesquisa são visibilizar práticas de Funk e Rap de sujeitos jovens da periferia de Porto Alegre, mostrando como estas contribuem para sua socialização, bem como problematizar a produtividade de tais consumos musicais através das narrativas desses sujeitos na constituição de suas identidades.
Abstract This research focuses on the study of music as a means of expression and socialization of young people aged between 10 and 14 years who attend the SASE (Service Support Socio-educational) in the opposite shift of the school. This educational area is located in the east of Porto Alegre. Young people who take advantage of this service are considered young people living in socially vulnerable. The styles of music heard by this group are mostly Rap and Funk. Based on the observations and reflections made about the attitudes of these young people in relation to music was drafted the following issue: To what extent the consumption of music, specifically rap and funk styles operating in the subjectivity of individuals, youths from the periphery? The main objectives of this study are visualization practices Funk Rap and young subjects on the outskirts of Porto Alegre, showing how they contribute to their socialization, as well as discuss the productivity of such music consumption through the narratives of these individuals in establishing their identities.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/29279
Arquivos Descrição Formato
000776456.pdf (1.371Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.