Repositório Digital

A- A A+

Reposição de volume na sepse com solução salina hipertônica

.

Reposição de volume na sepse com solução salina hipertônica

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Reposição de volume na sepse com solução salina hipertônica
Outro título Sepsis volume reposition with hypertonic saline solution
Autor Friedman, Gilberto
Soriano, Francisco Garcia
Rios, Ester Correia Sarmento
Resumo Esta revisão discute os efeitos hemodinâmicos e imunomoduladores da solução hipertônica em choque experimental e em pacientes com sepse. Comentamos sobre os mecanismos de ação da solução hipertônica, recorrendo a dados sobre choque hemorrágico e séptico. Atuações específicas da solução salina hipertônica aplicáveis a sepse grave e choque séptico são enfatizadas. Os dados disponíveis corroboram os benefícios em potencial da infusão de solução salina hipertônica em vários aspetos da fisiopatologia da sepse, inclusive hipoperfusão dos tecidos, consumo reduzido de oxigênio, disfunção endotelial, depressão miocárdica e presença de um amplo elenco de citocinas próinflamatórias e várias espécies de oxidantes. Uma terapia que, ao mesmo tempo, bloqueie os componentes prejudiciais da sepse terá um impacto no seu tratamento. Estudos prospectivos adequadamente desenhados poderão no futuro comprovar o papel benéfico da solução salina hipertônica.
Contido em Revista brasileira de terapia intensiva. Rio de Janeiro. Vol. 20, n. 3 (jul./set. 2008), p. 267-277
Assunto Choque séptico
Farmacologia
Sepse
Solução salina hipertônica
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/29420
Arquivos Descrição Formato
000764581.pdf (126.8Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.