Repositório Digital

A- A A+

Medicamentos de alto custo para doenças raras no Brasil : o exemplo das doenças lisossômicas

.

Medicamentos de alto custo para doenças raras no Brasil : o exemplo das doenças lisossômicas

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Medicamentos de alto custo para doenças raras no Brasil : o exemplo das doenças lisossômicas
Outro título High cost drugs for rare diseases in Brazil : the case of lysosomal storage disorders
Autor Souza, Monica Vinhas de
Krug, Bárbara Côrrea
Picon, Paulo Dornelles
Schwartz, Ida Vanessa Doederlein
Resumo Este artigo aborda, de forma crítica, aspectos das políticas públicas brasileiras para medicamentos, com ênfase nos de alto custo dirigidos às doenças raras. As doenças lisossômicas foram utilizadas como exemplo pela sua raridade e pela tendência mundial para o desenvolvimento de novos fármacos para seu tratamento. Três doenças foram abordadas: doença de Gaucher, doença de Fabry e mucopolissacaridose tipo I. Embora todas tenham medicamentos registrados no Brasil, a doença de Gaucher é a única com protocolo clínico e diretrizes de tratamento balizadas pelo Ministério da Saúde. Os autores almejam, com este artigo, fomentar a discussão sobre o papel da avaliação de tecnologias em saúde para o tratamento das doenças raras no Brasil, enfatizando a necessidade de políticas legitimadas dirigidas especialmente a elas. A despeito das dificuldades de se estabelecer uma política de saúde específica para cada doença rara, é possível o estabelecimento de modelos racionais para lidar com esse crescente desafio.
Abstract This paper approaches in a critical way aspects of Brazilian public policies for drugs, emphasizing those classified as high cost and for rare diseases. The lysosomal storage diseases was taken as an example because of their rarity and the international trend for the development of new drugs for their treatment, all at high costs. Three lysosomal storage diseases were approached: Gaucher disease, Fabry disease and mucopolysaccharidosis type I. Gaucher disease has its treatment drug licensed in Brazil and guidelines for its use are established through a clinical protocol by the Ministry of Health. The others have their drug treatments registered in Brazil; however, no treatment guidelines for them have been developed by the government. The objective of the paper was to foster the discussion on the role of health technology assessment for high-cost drugs for rare diseases in Brazil, emphasizing the need for establishing health policies with legitimacy towards these diseases. Despite the difficulties in establishing a health policy for each rare disease, it is possible to create rational models to deal with this growing challenge.
Contido em Ciência & saúde coletiva. Rio de Janeiro. Vol. 15, supl. 3 (2010), p. 3443-3454
Assunto Custos de medicamentos
Doenças raras
Lisossomos
Políticas públicas de saúde
[en] Health policies
[en] High-cost drugs
[en] Lysosomal storage diseases
[en] Rare diseases
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/29489
Arquivos Descrição Formato
000770858.pdf (72.38Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.