Repositório Digital

A- A A+

Formação de estratégias em hospital psiquiátrico público

.

Formação de estratégias em hospital psiquiátrico público

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Formação de estratégias em hospital psiquiátrico público
Autor Quinto Neto, Antonio
Orientador Fachin, Roberto Costa
Data 1993
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Administração estratégica
Administração hospitalar
Saúde pública
Resumo O autor efetua um estudo de formaçâo de estratégias num hospital psiquiátrico público, baseado livremente na metodologia de pesquisa proposta por MINTZBERG. A investigação considera um período de tempo que se estende da inauguração do Hospital Psiquiátrico São Pedro, em 1884, até 1987, perfazendo um total de 103 anos. São definidas trés áreas estratégicas básicas: internação, tecnologia e as relações do Direção do Hospital com a hierarquia da autoridade pública no Estado. Cada uma destas áreas apresenta um conjunto de estratégias que, superpostas ao longo do período examinado, exibem quatro periodos vividos pela instituição: criação e institucionalização, procura desordenada de caminhos, extensão do atendimento à comunidade e reordenação institucional. As conclusões podem ser assim resumidas: a) o Hospital Psiquiátrico São Pedro exerce uma função residual para a sociedade; b) recebe poucos recursos por três motivos: o doente pobre, a doença mental e a baixa tecnologia; c) as decisões, tanto do Secretário de Estado da Saúde quanto da Direção do Hospital caracterizam-se por serem desconexas; d) as estratégias relacionadas ao todo do Hospital emanam sempre da Secretaria de Estado; e) o processo decisório relacionado ao Hospital se realiza sob o domínio de padreies políticos, enquanto o ámbito técnico procura operacionalizar as decisões.
Abstract The author carnes a study of strategy formation in a public mental hospital, supported unrestrained by MINTZBERG's methodology. The investigation encompasses a time period of 103 years, from 1884 to 1987. One has defined three strategic areas for study: hospitalization, technology and relationship of the Director of the Hospital with the hierarchy of public authority in the State. Each area exhibits a collection of strategies that being superposed along the time, have arrived at four periods in the story of the institution: of creation and institutionalization, of disarranged search of ways, of extent of care to the community and of institutional reorganization. The conclusions are that: a) the São Pedro mental hospital performs a residual function to society; b) it receives a small amount of resources for reasons related to the poorness of the subject of treatment, the sick persons (mental illness) and low technology; c) the decisions taken by Secretary of State in Health matters as well as those taken by Director of Hospital are disconnected; d) strategies related to the whole of the Hospital always arise from the Secretary of State; e) the decision process related to the Hospital takes place under politic of influence, while the experts strive to get operational decisions.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/29919
Arquivos Descrição Formato
000115467.pdf (4.075Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.