Repositório Digital

A- A A+

Educação especial e educação infantil : uma análise de serviços especializados no Município de Porto Alegre

.

Educação especial e educação infantil : uma análise de serviços especializados no Município de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Educação especial e educação infantil : uma análise de serviços especializados no Município de Porto Alegre
Autor Benincasa, Melina Chassot
Orientador Baptista, Cláudio Roberto
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Educação especial
Educação infantil
Escolarização
Inclusão escolar
Necessidades educacionais especiais
Prática pedagógica
Relação professor-aluno
[en] Infantile education
[en] Pedagogical practice
[en] School inclusion
[en] Special education
[en] Special educational needs
[en] Specialized educational attendance
[en] Teacher-student relationship
[es] Atendimiento
[es] Educación especial
[es] Educación Infantil
[es] Escolaridad
[es] Inclusión en la escuela
[es] Necesidades educativas especiales
[es] Práctica pedagógica
[es] Relación profesor-alumno
Resumo O presente estudo teve como objetivo analisar a constituição do atendimento educacional especializado em educação especial para crianças da Educação Infantil. Para tanto, procurei descrever como se configuram esses serviços na Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre, especificamente o de Educação Precoce (EP) e Psicopedagogia Inicial (PI), assim como refletir sobre seus possíveis efeitos. As questões que orientaram o desenvolvimento da pesquisa foram às seguintes: como se organiza o atendimento às crianças com deficiência na perspectiva da educação inclusiva na educação infantil? Que singularidades constituem o atendimento na Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre na proposição de serviços especializados de apoio às crianças de zero a cinco anos de idade? É possível considerar que estes serviços servem como um suporte para a permanência da criança na escola? Essas questões embasaram a análise do serviço de atendimento educacional especializado que integra a presente pesquisa. Busquei também a compreensão histórica de uma rede de ensino que tem dado prioridade às políticas de inclusão escolar, identificando aspectos que podem ser considerados cruciais, como os da transição entre os diferentes níveis de escolarização. Com base nas reflexões do pensamento sistêmico de Gregory Bateson e Humberto Maturana, foram priorizados os pressupostos da abordagem qualitativa, utilizando os seguintes instrumentos metodológicos: entrevista semiestruturada, observação participante e o diário de campo. As entrevistas foram realizadas com quatorze educadoras especiais e com a Coordenadora do serviço de EP e PI. Foram priorizadas as observações em espaços onde ocorre o serviço (atendimento e assessorias). Como possíveis resultados, destaco a importância da articulação entre os campos da educação especial e da educação infantil na construção de propostas pedagógicas que sirvam como suporte aos diferentes sujeitos envolvidos (professores, comunidade, família, criança) para a efetiva permanência do aluno com deficiência no ensino comum; a presença de uma variedade de modos de recepção e compreensão do movimento de inclusão escolar por parte dos educadores envolvidos e o reconhecimento de que o local de instituição de um serviço produz impacto para se pensar os processos de escolarização de seus alunos e a tomada de decisão relativa a esses processos.
Resumen Este estudio tuvo como objeto la constitución del atendimiento educacional con especialidad en educación especial para niños de la educación infantil. Para lo cual, busqué describir como se configuran esos servicios en la Red Municipal de Enseñanza de Porto Alegre, específicamente el de Educación Temprana y Sicopedagogía Inicial, de igual manera reflexionar sobre sus posibles efectos. Las cuestiones que orientaron el desemvolvimiento de la pesquisa fueron las siguientes: ¿cómo se organiza el atendimiento a los niños con deficiencia en la perspectiva de la educación inclusiva en la educación infantil? ¿qué singularidades constituyen el atendimiento en la Red Municipal de Enseñanza de Porto Alegre en la propuesta de servicios con especialidad de apoyo a los niños de cero a cinco años de edad? ¿es posible considerar que estos servicios sirvan como un soporte a la permanencia del niño en la escuela? Esas cuestiones fundamentaron el análisis del servicio de atendimiento educacional con especialidad que integra esta investigación. Busqué también la comprensión histórica de una Red de Enseñanza que dio prioridad a las políticas de inclusión escolar, identificando aspectos que pueden ser considerados cruciales, como los de la transición entre los diferentes niveles de escolarización. Basado en la reflexiones del pensamiento sistémico de Gregory Bateson y Humberto Maturana, fueron privilegiados los presupuestos del abordaje cualitativo los siguientes instrumentos metodológicos: entrevista semiestructurada, observación participante y diario de pesquisa. Las entrevistas fueron realizadas con catorce docentes especialistas y con la Cordinadora del servicio de Educación Temprana y Sicopedagogía Inicial. Fueron privilegiadas las observaciones en espacios donde ocurre el servicio (atendimiento y asesoría). Como posibles resultados, destaco la importancia de la articulación entre los campos de la educación especial y de la educación infantil en la construcción de propuestas pedagógicas que sirvan como soporte a las diferentes personas envueltas (profesores, comunidad, familia, niños) para la efectiva permanencia del alumno con deficiencia en la enseñaza regular; la presencia de una gama de modos de recibimiento y comprensión del movimiento de inclusión escolar por los docentes envueltos y el reconocimiento de que el lugar en donde sucede el servicio produce un impacto, da lugar a reflexionar sobre los procesos de escolarización de los niños con deficiencia.
Abstract The present study had as objective to analyze the constitution of the specialized educational attendance in special education to children of infantile education. For so, it was looked to describe how these services in the Municipal Teaching Network of Porto Alegre are configured, specifically the ones of Precocious Education (EP) and Initial Psycho pedagogy (PI), as well as to reflect about their possible effects. The questions that guided the development of this research were: How is the attendance to children with deficiency in the perspective of inclusive education in the infantile education constituted? Which singularities constitute the attendance in the Municipal Teaching Network of Porto Alegre in the proposition of specialized services of support to children between zero and five years old? Can we consider that these services are constituted as a brace to the permanence of the children in the school? These questions laid the foundation to the analysis of the service of the specialized educational attendance that takes part in this research. It was searched for the historical comprehension of a teaching network which has given priority to the policy of scholar inclusion; identifying aspects that can be considered crucial, as the transition between the different stages of education. Based on the reflections of the systemic thought of Gregory Bateson and Humberto Maturana, the presupposition of qualitative approach was prioritized, using the following methodological tools: semi-structured interview, the participant observation and the research diary. The interviews were done with fourteen special education teachers and the Coordinator of EP and PI services. The observations gave priority to the places where the services occur (attendance and assistance). As possible results, I highlight the importance of articulation between the fields of special education and infantile education in the construction of pedagogical proposals that are organized as a brace to the different people involved (teachers, community, family and children) to the effective permanence of a student with deficiency in the common education; the presence of a variety in the ways of reception and comprehension of the movement in the educational inclusion by the teachers involved, and the recognition that the place of institution of a service produces impact to think the processes of education and to make decisions related to these processes.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/29958
Arquivos Descrição Formato
000778824.pdf (3.058Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.