Repositório Digital

A- A A+

Explorando o uso de plataformas digitais de mídia social por empresas para co-criação com consumidores

.

Explorando o uso de plataformas digitais de mídia social por empresas para co-criação com consumidores

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Explorando o uso de plataformas digitais de mídia social por empresas para co-criação com consumidores
Autor Borges, Mauro
Orientador Brodbeck, Angela Freitag
Data 2011
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Canais de comunicação
Consumidor
Negócios
Redes sociais
[en] Air travel industry
[en] Co-creation
[en] Grounded theory
[en] Information systems
[en] Netnography
[en] Social media
Resumo Plataformas de mídia social têm possibilitado que indivíduos produzam, compartilhem e distribuam seu conteúdo, facilmente, pela Internet – interagindo com outros indivíduos e firmas. Atualmente, qualquer pessoa pode ter seu próprio jornal (blog), rádio (podcast) ou canal de TV (YouTube) e construir uma audiência. Redes sociais, como Facebook e Twitter, permitem que as pessoas espalhem o boca-a-boca ainda mais. Neste novo ambiente social, consumidores tornaram-se ativos produtores – influenciando seus pares, criticando produtos/serviços, co-desenvolvendo suas próprias soluções, etc. Finalmente, as firmas se deram conta de que deviam aprender como fazer uso de mídia social para participar das conversas, acessar conhecimentos externos e tentar co-criar algum valor. Mas como o uso destas plataformas de mídia social pela firma para co-criação com consumidores pode influenciar seus processos de negócio? Para responder a essa questão, este estudo utilizou dois métodos de pesquisa qualitativos interpretativos – netnografia e grounded theory – para explorar dados públicos disponíveis em plataformas de mídia social. A pesquisa empírica investigou um ecossistema de mídia social no setor de transporte aéreo. Como resultados, este estudo apresenta: um conjunto de categorias inter-relacionadas que emergiram dos dados empíricos; descrições de campo; e hipóteses teóricas propostas a respeito deste processo de co-criação no setor de transporte aéreo e suas implicações. Resultados indicam que três tipos de co-criação em plataformas de mídia social (co-criação de experiências online, de marca em tempo real e de conhecimento sobre produtos/serviços) influenciam positivamente a integração de capacidades/conhecimentos dos consumidores aos processos de negócio da empresa (como relacionamento com clientes, suporte, relações públicas, propaganda e desenvolvimento de produtos/serviços), enquanto a falta destes tipos de co-criação pode influenciar negativamente a efetividade destes processos de negócio.
Abstract Social media platforms have enabled individuals to easily produce, share and distribute their own content over the Intenet – interacting with other individuals and firms. Currently, anyone may have his own newspaper (blog), radio (podcast) or TV channel (YouTube) and build an audience. Social networks, such as Facebook and Twitter, allow people to spread the word of mouth even further. In this new social environment, consumers became active producers - influencing their peers, criticizing bad products/services, codeveloping their own solutions, etc. Eventually, firms found out that they must learn how to use social media to become part of the conversation, access external knowledge and try to cocreate some value. But how could firm’s usage of social media platforms to co-create with consumers influence its business processes? In order to answer to that question, this study used two qualitative interpretive research methods – netnography and grounded theory – to explore public data available on social media platforms. The empirical research investigated a social media ecosystem of the air travel industry. As results, this study presents: a set of interrelated categories that emerged from empirical data; field descriptions; and the theoretical hypothesis regarding the co-creation process in air travel industry and its implications. Results show that three types of co-creation using social media platforms (online experiences cocreation, brand real-time co-creation and products/services knowledge co-creation) positively influence customers’ capabilities/knowledge integration to firms’ business processes (such as customers relationship, support, public relations, advertising, products/services development) - while the lack of those types of co-creation may negatively influence those business processes effectivity.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/30135
Arquivos Descrição Formato
000780147.pdf (1.902Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.