Repositório Digital

A- A A+

Metas de altura do pasto para elevadas velocidades de ingestão de forragem

.

Metas de altura do pasto para elevadas velocidades de ingestão de forragem

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Metas de altura do pasto para elevadas velocidades de ingestão de forragem
Outro título Sward structures for higher rates of herbage intake: an aplication on dairy systems
Autor Amaral, Márcio Fonseca do
Orientador Carvalho, Paulo Cesar de Faccio
Co-orientador Jacques, Aino Victor Avila
Data 2010
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Azevém
Forragem
Gado holandes
Gado leiteiro
Pastejo
Resumo Em sistemas leiteiros baseados em pastagens, as vacas têm freqüentemente sua ingestão limitada. Neste sentido, esta dissertação trabalha a hipótese de que se possa otimizar o processo de ingestão pela criação de estruturas de pasto que favoreçam a velocidade com que a forragem pode ser ingerida. Para tanto, utilizou-se a variável altura como meio de caracterizar estratégias de preparo de estruturas de pasto a serem oferecidas aos animais. O trabalho foi realizado no município de Bagé, RS, na estação experimental da EMBRAPA-CPPSul, entre maio e setembro de 2008. Os tratamentos foram compostos por combinações de alturas de entrada e de saída dos piquetes que resultaram, respectivamente, nos tratamentos 15-05; 15-10; 25-05; 25-10, com duas repetições no tempo e duas no espaço. A forrageira utilizada foi azevém anual (Lolium multiflorum Lam) e as estruturas foram moldadas previamente com animais em pastejo simulando um pastoreio rotativo. Durante o ensaio utilizaram-se três vacas da raça Holandês, entre 5 e 6 anos de idade e peso médio de 550 kg de peso vivo. A velocidade de ingestão foi estimada pela técnica da dupla pesagem e os movimentos mandibulares foram determinados com auxílio de registradores automáticos (IGER Behaviour recorder), que posteriormente foram analisados pelo software GRAZE. Foram mensuradas as alturas do pasto durante todo o processo de rebaixamento. Os resultados mostram que os tratamentos com menor altura do pasto no final do período de ocupação provocam redução na taxa de bocados e no tempo de alimentação, e aumento do número de passos/m3 de forragem removida. O tratamento 25-10 foi a estrutura criada que registrou a maior massa de bocado e a que permitiu maior velocidade de ingestão. Os dois tratamentos com saída em 10 cm oportunizaram maior ingestão, o que sugere que a condição do resíduo seja determinante no consumo de matéria seca por animais em pastejo. Concluiu-se que tão importante quanto a altura inicial e final durante a ocupação dos piquetes seja a proporção da altura removida durante o período de ocupação.
Abstract In pasture based dairy systems cows have often constrains in forage intake. In this sense this Dissertation explores the hypothesis in which the ingestion process can be optimized by sward structures that allow for fast forage ingestion. For that sward height was used as a way to characterize strategies to prepare sward structures to be offered to animals. This investigation was carried out at Bagé, RS, at EMBRAPA-CPPSul Experimental Station, from May to September 2008. Treatments were composed by pre and post-grazing pasture heights resulting on 15-05; 15-10; 25-05; 25-10, being replicated twice in time and in space. The forage were ryegrass (Lolium multiflorum Lam) and of sward structures were built previously by grazing animals simulating a rotational stocking. Three Friesian cows were used, ageing 5 to 6 years and weighting 550 kg on average. Intake rate was estimated by double weight technique and jaw movements were determined by automatic recorders (IGER Behaviour recorder), which were analysed by the software GRAZE. Sward heights were assessed during grazing down. Results showed treatments with lower post-grazing sward height provoke decrease in bite rate and feeding time while increasing the number of steps/m3 of forage removed. The treatment 25-10 was the structure where higher bite mass and intake rate was registered. Both treatments with 10 cm post-grazing sward height allowed for higher intake rate, suggesting residual herbage mass being determinant to dry matter intake for grazing animals. It was concluded as important as pre and post-grazing height is the proportion of the height removed during the grazing down.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/30196
Arquivos Descrição Formato
000779292.pdf (4.020Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.