Repositório Digital

A- A A+

Human ocular sparganosis in southern Brazil

.

Human ocular sparganosis in southern Brazil

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Human ocular sparganosis in southern Brazil
Outro título Esparganose ocular humana no sul do Brasil
Autor Mentz, Marcia Bohrer
Procianoy, Fernando
Maestri, Marcelo Krieger
Rott, Marilise Brittes
Resumo Registra-se o primeiro caso de esparganose ocular humana no estado de Santa Catarina, sul do Brasil a partir de paciente adulta que apresentou três massas inflamatórias móveis perioculares, localizadas no olho direito, durante dois anos. Com a excisão cirúrgica o material foi para a biópsia e um estágio larval de helminto foi identificado como espargano. Dados clínicos, laboratoriais e epidemioógicos são apresentados neste trabalho.9
Abstract We report the first case of human ocular sparganosis in the state of Santa Catarina, southern Brazil. A young female patient presented with three periocular moveable inflammatory masses in her right eye, during two years. By surgical excisional biopsy, a helminth larval stage was removed and identified as sparganum. Clinical, laboratory and epidemiological data on this parasite are presented.
Contido em Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo. São Paulo, SP. Vol. 53, no. 1 (Jan.-Feb. 2011), p. 51-53
Assunto Esparganose
Parasitologia
Plerocercóide
Spirometra
[en] Human ocular sparganosis
[en] Sparganum
[en] Spirometra
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/30581
Arquivos Descrição Formato
000771370.pdf (596.4Kb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.