Repositório Digital

A- A A+

Identidade quilombola : mobilização política e manifestações culturais em Beco dos Colodianos, Rio Grande do Sul

.

Identidade quilombola : mobilização política e manifestações culturais em Beco dos Colodianos, Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Identidade quilombola : mobilização política e manifestações culturais em Beco dos Colodianos, Rio Grande do Sul
Autor Ramos, João Daniel Dorneles
Orientador Brumer, Anita
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Programa de Pós-Graduação em Sociologia.
Assunto Comunidade quilombola
Identidade social
Mostardas (RS)
Quilombos
Religiosidade
Rio Grande do Sul
Sociologia da cultura
Territorialidade
[fr] Identité
[fr] La religiosité
[fr] Parties
[fr] Quilombo
[fr] Territoire
Resumo Esta pesquisa surge no intuito de compreender as atividades coletivas ocorridas em uma comunidade quilombola, chamada Beco dos Colodianos,situada no interior do município de Mostardas, Rio Grande do Sul, que luta pelo seu reconhecimento e pela titulação definitiva de seus territórios. Adoto, neste trabalho, as implicações que a teoria pós-colonial apresenta, com o intuito de ampliar os questionamentos sobre a categoria “identidade”. Esta teoria propicia a análise e auxilia a compreensão do contexto desta pesquisa, pois possibilita explicar determinadas formas de mobilização identitária e contestatória, que se configuram alémdas formas já conhecidas de mobilização (os processos político-eleitorais e/ou a formação de organismos estatais de representação). Ela permite compreender também as formas cotidianas de resistências que estes grupos empreendem. Deve-se pensar aqui a política não só como na forma “tradicional”, não sóna forma-Estado: ela não é somente o princípio partidário, ou o processo de participação em eleições ou em centros institucionais de poder. A política é aqui pensada como as relações sociais que projetam uma participação social e que buscam dinâmicas de transformação das relações já estabelecidas. Ela é aqui traduzida como a proposta de se construir um espaço social, participativo, que permaneça heterogêneo e pluralístico e com uma lógica que requer uma expansão e radicalização mais profunda das práticas democráticas da vida social. Neste sentido, busco identificar as condições históricas e sociais que estiveram presentes no contexto de formação da comunidade, examinando os processos de mediação envolvendo a Associação Quilombola e agentes estatais ou não estatais e compreendendo a ocorrência de festividades e os aspectos da religiosidade afro-brasileira contidos naquele contexto.
Résumé Cette rechercheest apparudans le but de comprendre les activités collectives qui ont eu lieudans un communauté de descendantsd'esclaves, appel Beco dos Colodianos, situé dans lamunicipalité du Mostardas, Rio Grande do Sul, qui lutte pourla reconnaissancedes titreset définitiondeleursterritoires. J'adoptedans la présent document, les implicationsdelathéoriepost-coloniale présente, dans le butd'accroître questionsau sujet delacatégoried 'identité. Cettethéorieprévoitl'analyse et aideàcomprendre le contexte de cette recherche, ilpermetd'expliquer certaines formesdemobilisationcontestataireet de l'identitéqui sontconfigurésenplus desformesdéjàconnuesde lamobilisation(processus politiques et électoraux et/oulaformation d’organisationsreprésentantl'État. Il met également en lumière les formes quotidiennes de résistance que ces groupes s'engagent. Il faut penser à la politique ici non seulement comme la façon "traditionnelle", non seulement sous forme-État: ce n'est pas seulement les principes du parti, ou le processus de participation aux élections ou des centres institutionnels du pouvoir. La politique est ici considéré comme les relations sociales que la participation du projet et la dynamique sociale qui cherchent à transformer les relations établies. Il est ici traduit par la proposition de construire une local sociale, participative, et il reste pluraliste et hétérogène avec une logique qui nécessite un élargissement radical et plus profond des pratiques démocratiquesde la vie sociale. En ce sens, je cherche à identifier les conditions historiques et sociales qui étaient présents dans le cadre de la formation communautaire, examiner les processus de médiation impliquant l’Association Quilombola et agents de l'Etat et d'autres organisations et la compréhension de la survenue de festivals et les aspects religieux de l'afro-brésiliens contenues dans ce contexte.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/30587
Arquivos Descrição Formato
000779338.pdf (9.378Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.