Repositório Digital

A- A A+

A empresa produtiva e a racionalidade substantiva : a teoria da ação comunicativa de Jürgen Habermas no ambiente organizacional interativo : de Mary Parker Follett a Collins e Porras

.

A empresa produtiva e a racionalidade substantiva : a teoria da ação comunicativa de Jürgen Habermas no ambiente organizacional interativo : de Mary Parker Follett a Collins e Porras

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A empresa produtiva e a racionalidade substantiva : a teoria da ação comunicativa de Jürgen Habermas no ambiente organizacional interativo : de Mary Parker Follett a Collins e Porras
Autor Fraga, Marcelo Lorence
Orientador Santos, Francisco de Araújo
Data 2000
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Ambiente organizacional
Teoria organizacional
Resumo Este estudo trata da possibilidade de as empresas produtivas possuírem elementos característicos das organizações substantivas, tendo como perspectiva geral a construção de um ambiente organizacional integrativo, com base na teoria da ação comunicativa, de Jürgen Habermas e na noção de racionalidade substantiva, de Guerreiro Ramos. Apresenta, a partir dos trabalhos de Mary Parker Follett e de Araujo Santos, o conceito de ambiente organizacional integrativo, que sustenta a identidade de interesses entre trabalhadores e empresa e valoriza aspectos como a auto-realização, o autodesenvolvimento e a satisfação do ser humano, confrontando-o com a realidade do ambiente cultural brasileiro e sua influência nas práticas administrativas. Tendo como ponto de partida a pesquisa empreendida por Maurício Serva sobre o fenômeno das organizações substantivas, empreende, através de estudo de caso, um exame no cotidiano organizacional de uma empresa produtiva brasileira do ramo industrial, de modo a investigar a existência da ação racional substantiva nas suas diversas dinâmicas, processos e práticas administrativas, submetendo-a a uma avaliação com base em uma escala de intensidade da racionalidade substantiva e da racionalidade instrumental. Investiga ainda a possibilidade da existência de integração de interesses entre trabalhadores e empresa, caracterizando assim o ambiente organizacional integrativo.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/3126
Arquivos Descrição Formato
000287668.pdf (1.202Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.