Repositório Digital

A- A A+

Efeitos de diferentes fontes de fibra na digestabilidade de nutrientes, nas respostas metabólicas pós-prandiais e na saùde intestinal de gatos

.

Efeitos de diferentes fontes de fibra na digestabilidade de nutrientes, nas respostas metabólicas pós-prandiais e na saùde intestinal de gatos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Efeitos de diferentes fontes de fibra na digestabilidade de nutrientes, nas respostas metabólicas pós-prandiais e na saùde intestinal de gatos
Outro título Effects of different fiber sources on nutrient digestibility, postprandial metabolic responses and intestinal health in cats
Autor Fischer, Manuela Marques
Orientador Kessler, Alexandre de Mello
Co-orientador Carciofi, Aulus Cavalieri
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Agronomia. Programa de Pós-Graduação em Zootecnia.
Assunto Digestibilidade
Gato
Nutricao animal
Resumo Atualmente se busca formular dietas que além de desempenhar o papel nutritivo, promova benefícios à saúde dos animais de companhia. O estudo da fibra na dieta para animais carnívoros é recente e a literatura escassa. Para investigar os efeitos da fibra dietética na dieta de gatos, foi realizado um experimento no qual foram avaliadas a digestibilidade aparente dos nutrientes; as respostas pós-prandiais de glicose, colesterol e triglicerídeos; os efeitos sobre as características fecais e alguns parâmetros de saúde intestinal, como concentração de ácidos graxos de cadeia curta nas fezes e histologia da mucosa do cólon. Foram formuladas uma dieta controle e três dietas contendo diferentes fontes de fibra: polpa de beterraba, farelo de trigo e fibra de cana-de-açúcar. As dietas com adição de fibras foram formuladas para conter níveis semelhantes de FDT. O estudo seguiu um delineamento em blocos casualizados, sendo os blocos representados pelos dois períodos experimentais, cada um constituído por 3 gatos e 4 dietas, totalizando 24 gatos. Os coeficientes de digestibilidade aparente da MS, MO e EB foram menores nas dietas com fibra (P < 0,05). A polpa de beterraba e o farelo de trigo não afetaram a digestibilidade da PB, sendo que a polpa de beterraba também não diminuiu a digestibilidade do EE. A dieta com fibra de cana-de-açúcar provocou redução significativa nos coeficientes de digestibilidade da MS, MO, PB, EE e EB (P < 0,05). A concentração média e a área abaixo da curva da glicose foram estatisticamente menores no grupo da fibra de cana-de-açúcar (P < 0,05) em relação às demais dietas. A dieta com polpa de beterraba foi a que produziu maiores concentrações de acetato (P = 0,0117) propionato (P = 0,0005), lactato (P = 0,0051) e ácidos graxos totais (P = 0,0008). A análise morfométrica da mucosa do cólon nos quatro grupos não foi diferente estatisticamente. A digestibilidade dos nutrientes foi menos prejudicada com a inclusão da polpa de beterraba e mais prejudicada com a adição da fibra de cana-de-açúcar. Por outro lado, a dieta com fibra de cana-de-açúcar demonstrou características promissoras no controle da glicemia. A polpa de beterraba causou efeitos desejáveis no cólon, através da produção de ácidos graxos de cadeia curta, embora não tenha alterado as características histológicas da mucosa colônica dos gatos em curto prazo.
Abstract Currently, one seeks to formulate diets which perform the nutritive role and also promote health benefits to companion animals. The study on fiber in carnivorous animals’ diets is recent and the literature is scarce. In the purpose to investigate the effects of dietary fiber on cats’ diets, it has been realized an experiment which assessed the apparent nutrient digestibility; the glucose, cholesterol, and triglycerides postprandial responses; the effects on fecal features, and also some intestinal health parameters such as short-chain fatty acids concentration in faeces and colonic mucosa histology. It was formulated a control diet and three diets containing different fiber sources, beet pulp, wheat bran and sugar cane fiber. The addition of fiber were formulated to contain similar level of TDF. The study followed a randomized block design, with the blocks represented by the two experimental periods, each consisting of three cats and four diets, totaling 24 cats. The apparent digestibility coefficients of DM, OM, and GE were lower in diets which contained fiber (P < 0.05). The beet pulp and wheat bran did not affect the digestibility of CP, and beet pulp did not decrease the EE. The diet with sugar cane fiber caused significant reduction in digestibility of DM, OM, CP and EB (P < 0.05). The average concentration of glucose and the area under the glucose curve were statistically lower in the group of sugar cane fiber (P < 0.05). The diet with beet pulp was the one which produced the biggest acetate (P = 0.0117), propionate (P = 0.0005), and lactate concentrations (P = 0.0051), even as total fatty acids (P = 0.0008). Morphometric analysis of colonic mucosa in the four groups was not statistically different. Nutrient digestibility was less impaired by the inclusion of beet pulp and most affected by the addition of sugar cane fiber. On the other hand, the diet with sugar cane fiber has shown promising features to control blood glucose. The beet pulp caused effects in the colon, through the production of short chain fatty acids, altough did not alter the histological features of colonic mucosa of cats in the short term.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/31377
Arquivos Descrição Formato
000783711.pdf (5.810Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.