Repositório Digital

A- A A+

Avaliação da influência da utilização do resíduo de corte de granito (RCG), como adição, em propriedades mecânicas do concreto

.

Avaliação da influência da utilização do resíduo de corte de granito (RCG), como adição, em propriedades mecânicas do concreto

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação da influência da utilização do resíduo de corte de granito (RCG), como adição, em propriedades mecânicas do concreto
Autor Gonçalves, Jardel Pereira
Moura, Washington Almeida
Dal Molin, Denise Carpena Coitinho
Resumo A utilização de resíduos e subprodutos industriais na Construção Civil apresenta-se como uma excelente alternativa para diminuição do impacto ambiental e maior contribuição para o desenvolvimento sustentável. O resíduo de corte de granito (RCG) é gerado no processo de serragem de blocos de rochas em placas, num equipamento denominado tear. No Brasil, a quantidade estimada de geração deste resíduo é de 165.000 toneladas por ano. Foi realizada a caracterização física, química e de risco ambiental do (RCG), bem como a avaliação do potencial de oxidação do Fe contido. Neste trabalho são apresentados resultados do aproveitamento do RCG como adição em concretos, em frações de 10% e 20% em relação à massa de cimento. Para os concretos produzidos, foram avaliadas resistência à compressão axial, a resistência à tração por compressão diametral e a resistência à tração na flexão. A análise dos resultados permite concluir que o RCG é classificado como resíduo classe II – não inerte, que sua utilização como adição em concretos é viável tecnicamente, e que 10% de adição é o teor que apresenta melhor desempenho.
Abstract The use of waste and industrial by-products in the building sites seems to be an excellent alternative to decrease the environmental impact of the industry as well as to contribute to sustainable development. The granite cut residue (GCR) is a result of the process of sawdusting rock blocks into plates using an equipment called loom. In Brazil, the estimated amount of residue produced annually is 165.000 tons. This article described a study in which GCR physical and chemical characterisation was carried out. Tests to evaluate the potential oxidation of existing Fe in the GCR were also performed. The results of the use of the GCR as an admixture in concrete in fractions of 10% and 20% of the cement mass are presented. The compressive strength, flexural and split tensile strength of concrete were evaluated. The analysis of the results led to the conclusions that the GCR can be classified as class II residue (noninert), that its use as an admixture in concrete production is technically feasible, and also that the best performance is achieved with an admixture ratio of 10%.
Contido em Ambiente construído:revista da Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído. Porto Alegre, RS. Vol. 2, n. 1 (jan./mar. 2002), p. 53-68
Assunto Concreto
Granito
Resíduos
[en] Admixture
[en] Concrete
[en] Granite cut residue
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/31641
Arquivos Descrição Formato
000346322.pdf (1.349Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.