Repositório Digital

A- A A+

Considerações acerca da constituição de unidades terminológicas complexas do léxico da hemodinâmica

.

Considerações acerca da constituição de unidades terminológicas complexas do léxico da hemodinâmica

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Considerações acerca da constituição de unidades terminológicas complexas do léxico da hemodinâmica
Autor Santos, Daniela da Silva
Orientador Abreu, Sabrina Pereira de
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Letras. Curso de Letras: Licenciatura.
Assunto Léxico da Hemodinâmica
Terminologia
[en] Complex terminological units
[en] Formation rules
[en] Functionalism
[en] Hemodynamics lexicon
[en] Terminology
Resumo Este trabalho situa-se nos estudos linguísticos ditos lexicais, tendo em vista que tem como objeto de investigação um conjunto de unidades terminológicas complexas (UTCs) do léxico da Hemodinâmica, ramo médico que estuda a pressão e os movimentos da circulação sanguínea humana. Para analisar as UTCs, utilizei como base teórica a proposta de Lígia Café, sintetizada no artigo Terminologia: aplicação do (re)modelo de Simon Dik, publicado em 2003. Nesse artigo, a autora faz uma adaptação do modelo funcionalista proposto por Simon Dik para a análise de UTCs da Biotecnologia dos Vegetais. A partir dos pressupostos teóricos de base funcionalista organizados por Café (2003) para a análise de UTCs, realizei a análise do corpus e constatei que, no domínio da Hemodinâmica, duas são as regras de formação mais produtivas. Além dessas regras, constatei que o léxico da Hemodinâmica parece se valer de sete regras atípicas que aparecem na formação das UTCs. Com este trabalho, pretendo fornecer subsídios para futuramente comparar o conjunto de regras de formação ativo no léxico da Hemodinâmica com os de outras áreas do conhecimento, a fim de verificar se léxicos de diferentes áreas do conhecimento apresentam padrões de regras de formação de UTCs similares aos encontrados neste trabalho.
Abstract This work lies in lexical linguistic studies, given that its object of investigation is a set of complex terminological units (CTU) in the lexicon of Hemodynamics, a medical branch that studies the pressure and the movements of human bloodstream. In order to do so, this work will be grounded on the article Terminologia: aplicação do (re)modelo de Simon Dik, which summarizes the theoretical basis proposed by Lígia Café. In this article, published in 2003, the author adapts the functional model proposed by Simon Dik in order to apply it in the analysis of CTUs from Plant Biotechnology. The analysis of the corpus and the conclusion that, within Hemodynamics, there are two most productive rules of formation have been made from the functionalist-based theoretical assumptions organized by Café (2003). In addition to these rules, it has been found that the lexicon from Hemodynamic seems to be based on seven atypical rules when it comes to CTUs. It is intended that this work offers aids to future comparisons between the formation rules of the active lexicon of Hemodynamics and the ones from others knowledge fields. The aim is to verify whether lexicon from different areas of knowledge present CTUs formation rules patterns similar to the ones found in this work.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/31922
Arquivos Descrição Formato
000785040.pdf (1.853Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.