Repositório Digital

A- A A+

Avaliação neurocognitiva em pacientes pós AVC : uma revisão sistemática da literatura

.

Avaliação neurocognitiva em pacientes pós AVC : uma revisão sistemática da literatura

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação neurocognitiva em pacientes pós AVC : uma revisão sistemática da literatura
Autor Toazza, Rudineia
Orientador Fontoura, Denise Ren da
Co-orientador Salles, Jerusa Fumagalli de
Data 2010
Nível Especialização
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Curso de Especialização em Neuropsicologia.
Assunto Acidente vascular cerebral
Avaliacao neuropsicologica
Cognição
Neuropsicologia
[en] Cognitive assessment
[en] Neuropsychology
[en] Stroke
Resumo Apesar da disseminação de instrumentos internacionais de avaliação neurocognitiva, a utilização de testes brasileiros para essas avaliações ainda são raras. Há poucos instrumentos validados no país ou produzidos para a população brasileira. O objetivo desse trabalho é realizar uma revisão sistemática da literatura com análise crítica de pesquisas que envolvam a avaliação neurocognitiva em pacientes pós AVC, focando nos instrumentos de avaliação das funções cognitivas mais utilizados em bases de dados brasileiras. Foram utilizadas bases eletrônicas de dados incluindo dissertações, teses e artigos científicos. As dissertações e teses em português foram pesquisadas nas bases Índex Psi Teses, IBICT Teses (Biblioteca digital de teses e dissertações – IBICT) e Banco de Teses da CAPES. Os artigos científicos foram consultados nas bases de indexação Scielo, LILACS, BVS e Índex Psi (Periódicos). Apesar da busca extensiva, poucas publicações foram encontradas e grande parte delas não estava disponível na íntegra para análise crítica. Observou-se um crescente aumento das publicações, em sua maioria concentrado nos últimos dez anos, e de origem médica. Os instrumentos com fins de avaliar as diversas funções neurocognitivas variaram muito de um estudo para outro e, além disso, o mesmo instrumento não estava sendo usado uniformemente entre os estudos. Muito poucos apresentam preocupação com adaptação transcultural para o português brasileiro e questões psicométricas (confiabilidade e validade), utilizando-se de diversas tarefas informais com fins avaliativos. De uma forma geral, as funções mais investigadas foram memória e linguagem. Apesar do aumento do número de publicações nos últimos 10 anos, este levantamento sobre a avaliação neurocognitiva em pacientes com AVC demonstrou um número muito reduzido de publicações em bases de dados brasileiras, evidenciando a necessidade de novas pesquisas, bem como a urgência de instrumentos validados no país ou produzidos para a população brasileira.
Abstract In spite of the dissemination of international instruments for neurocognitive evaluation the use of Brazilian tests for that type of evaluations are rare. The aim of this study is to perform a systematic review including a critical evaluation of the evidence regarding the assessment of neurocognitive functions in patients after stroke, focusing in the instruments of evaluation of cognitive functions more used in Brazilian databases. Eletronic databases were used including dissertations, thesis and scientific articles. The dissertations and thesis in portuguese were searched in Índex Psi Teses, IBICT Teses (Biblioteca digital de teses e dissertações – IBICT) and Banco de Teses da CAPES. The scientific articles were searched in Scielo, LILACS, BVS e Índex Psi (Periódicos). Despite of the extensive search few publications were founded and the majority of them were not fully available for critical analysis. It was observed an increase in the number of publications, in its majority concentrated in the last ten years and from medicine. The instruments with the purpose of evaluate the several neurocognitive functions are variable from one study to another, besides the same instrument was not being used uniformly for different studies. Very few are concerned with transcultural adaptation for brazilian portuguese and psychometric questions (reliability and validity), using several informal tasks with evaluation purposes. From a general point of view the most investigated neurocognitive functions were memory and language. In spite of the increase in the number of publications in the last ten years, this search about neurocognitive functions in patients after stroke demonstrated a few number of publications in Brazilian databases, and the urgency of instruments validated in the country or produced for population.
Tipo Trabalho de conclusão de especialização
URI http://hdl.handle.net/10183/32835
Arquivos Descrição Formato
000787858.pdf (527.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.