Repositório Digital

A- A A+

Estudo das relações entre os elos da cadeia láctea do Rio Grande do Sul e sua competitividade

.

Estudo das relações entre os elos da cadeia láctea do Rio Grande do Sul e sua competitividade

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Estudo das relações entre os elos da cadeia láctea do Rio Grande do Sul e sua competitividade
Autor Castro, Cleber Carvalho de
Orientador Padula, Antonio Domingos
Data 1998
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Agroindústria : Competitividade : Estratégia : Políticas públicas : Estrutura
Resumo O novo contexto econômico, delineado com a abertura de mercado e a estabilização da economia, trouxe uma série de desafios para a cadeia láctea, o que vêm pressionando seus elos a passarem por um processo de ajustamento, afim de superar seus principais problemas, de natureza estrutural ou de base tecnológica. Neste sentido, o presente estudo objetivou traçar um panorama da competitividade da cadeia láctea do Rio Grande do Sul, enfocando sua estrutura, estratégias e os processos de interação e indução, presentes nos elos a montante (indústria fornecedora de insumos, máquinas e equipamentos para a atividade pecuária), produção pecuária e a jusante (indústria processadora/transformadora e distribuidores). Avaliou-se também a influência das políticas públicas e fatores sistêmicos no ambiente de mudanças econômicas. Para tanto o estudo baseou-se em fonte de dados secundários e entrevistas semi-estruturadas com representantes dos elos. Observou-se que a busca por melhor atendimento às necessidades cada vez mais dinâmicas dos consumidores, tem exigido uma capacidade de resposta rápida dos agentes da cadeia láctea nacional, principalmente devido à internacionalização da cadeia láctea de suprimentos. No intuito de melhor se adequar à estas demandas, os laticínios vêm pressionando o elo da produção pecuária a passar por mudanças, principalmente no sentido de aumentar a qualidade e escala de produção e diminuir sua sazonalidade. O elo da produção pecuária, caracterizado como o mais frágil da cadeia (principalmente se comparado com os outros países do Mercosul), vem buscando se adequar às novas exigências. Já o elo a montante é tanto influenciado pelo desempenho econômico da atividade pecuária, quanto possibilita o desenvolvimento tecnológico da atividade, embora alguns setores se caracterizem como menos dinâmicos. Outros problemas de origem sistêmica, como a importação de produtos subsidiados, afetam negativamente o desempenho global da cadeia. Com a perspectiva de redução dos subsídios internacionais e aumento da produção de leite no Rio Grande do Sul e no Brasil, a cadeia poderá se beneficiar do comércio internacional, tendo para isto que promover uma série de mudanças na busca por melhor posição competitiva, principalmente em relação aos demais países do Mercosul.
Abstract The new economic context, characterized by the market opening and the stabilization of the economy, brought several challenges for the dairy chain, what has been pressing its links to go through an adjustment process, in order to overcome its main problems, of structural nature or of technological base. In this sense, the present study aimed to trace an overview on the competitiveness of the dairy chain of Rio Grande do Sul, southern Brazil. focusing its structure, strategies and the interaction and induction processes, plenty present among all the links of the chain: from vendor of input industry, machines and equipments to processor/transformer industry and distributors. It was also assessed the influence of the public politics and systemic factors in the economic changes environment. Therefore the study was based on secondary data and semi-structured interviews with the link representatives. It was observed that the search for better attendance to the more and more dynamic needs of the consumeis, has been demanding the national dairy chain agents' a fast answer capacity, mainly due to the internationalization of the dairy chain of supplies. Intending to adapt to these demands, the dairy farms are pressing the link of the cattle production for changes, mainly in the sense of increasing the quality and production scale and decreasing its seasonal norm. The cattle production link, characterized as the most fragile of the chain (mainly if compared with the other countries of Mercosul), is trying to adapt to the new demands. But the link is as influenced by the economic acting of the cattle activity, as it facilitates the technological development of the activity, although some sections are characterized as less dynamic. Other problems of systemic origin, as the import of subsidized products, affect the global acting of the chain negatively. With the perspective of reducing the international subsidies and increasing the milk production in Rio Grande do Sul and in Brazil, the chain can benefit from the international trade, but have to put in a series of changes in the search for better competitive position, mainly in relation to the other countries of Mercosul.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/32845
Arquivos Descrição Formato
000281815.pdf (4.428Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.