Repositório Digital

A- A A+

Avaliação da implantação dos Juizados Especiais Federais Previdenciários na Subseção Judiciária da Porto Alegre

.

Avaliação da implantação dos Juizados Especiais Federais Previdenciários na Subseção Judiciária da Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação da implantação dos Juizados Especiais Federais Previdenciários na Subseção Judiciária da Porto Alegre
Autor Mattjie Júnior, Edison Paulo
Orientador Pinheiro, Ivan Antonio
Data 2005
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Curso de Administração.
Assunto Administração pública
Estudo de caso
Prestação de serviços
Resumo O presente trabalho analisa a implantação dos Juizados Especiais Federais (JEF) na Subseção Judiciária de Porto Alegre. Nesse sentido, objetiva avaliar como a sua criação alterou a prestação do serviço aos cidadãos pela Justiça Federal, no âmbito previdenciário, realizando, para tanto, a análise da opinião que os próprios funcionários das Varas possuem sobre a prestação do serviço jurisdicional e da evolução da movimentação processual destas Varas. Como resultado, conclui-se que há insuficiência no número de Varas que provoca a existência de demanda reprimida junto à população e de preferência no julgamento de determinados processos pelas Varas, apesar de a criação dos JEFs ter melhorado a prestação do serviço jurisdicional à população.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/34606
Arquivos Descrição Formato
000507202.pdf (539.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.