Repositório Digital

A- A A+

Diversidade de bactérias associadas a bromélias do Parque Estadual de Itapuã/RS

.

Diversidade de bactérias associadas a bromélias do Parque Estadual de Itapuã/RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Diversidade de bactérias associadas a bromélias do Parque Estadual de Itapuã/RS
Outro título Diversity of bacteria associated to the bromeliads of the state park of Itapuã/RS
Autor Reginatto, Tânia Simone da Costa
Orientador Costa, Marisa da
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Ciências Básicas da Saúde. Programa de Pós-Graduação em Microbiologia Agrícola e do Ambiente.
Assunto Bactérias
Bromelias
Parque Estadual de Itapuã (Viamão, RS)
Resumo O Parque Estadual de Itapuã, RS, Brasil, é considerado um dos últimos refúgios da Mata Atlântica ainda preservados na região metropolitana de Porto Alegre, local escolhido para as coletas de bromélias. O objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento da diversidade de bactérias, tanto endofíticas quanto daquelas presentes na água das cisternas de bromélias. Foram coletadas 38 amostras de folhas e 26 amostras de água das cisternas de sete espécies de bromélias em vários locais do Parque, no período de março de 2006 a maio de 2007. As amostras foram cultivadas após diluições seriadas em ágar para contagem. Os isolados foram identificados através da análise da morfologia colonial, celular, comportamento bioquímico e fisiológico. Das folhas foram isoladas 76 bactérias endofíticas e da água das cisternas 124 bactérias com predomínio dos gêneros Bacillus, Burkolderia, Staphylococcus e Streptomyces. As bactérias Gram positivas apresentaram um maior número de cepas produtoras de enzimas extracelulares comparadas às Gram negativas. As Gram positivas isoladas das folhas foram melhores produtoras de celulase, pectinase e lipase, enquanto que as isoladas da água de cisterna foram melhores produtoras para celulase, amilase e protease. Pôde se observar que a maioria das bactérias endofíticas isoladas das bromélias produz algum tipo de promotor de crescimento. Com exceção da fixação de nitrogênio, que foi detectada somente entre as bactérias Gram negativas, pode-se observar que a produção desses promotores está amplamente disseminada entre as bactérias endofíticas. A análise da biodiversidade foi realizada através do índice de Shannon-Weaver, onde foi encontrado nas folhas (H=3,070) e nas cisternas (H=3,449) evidenciando que as cisternas abrigam uma biodiversidade um pouco mais elevada em relação ao interior da planta.
Abstract The State Park of Itapuã, RS, Brazil, is considered one of the latest refuges of the Atlantic Forest still preserved in the metropolitan area of Porto Alegre, where seven bromeliads samples were colected. The objectives of this study were carry out a survey on the diversity of the endophytic bacteria and those present in the water tanks of bromeliads. Thirty eight samples of leaves and 26 samples of water from the water tanks of bromeliads were collected from many places of the Park, between the period of March, 2006 and May, 2007. Samples were cultivated in plate count agar after serial decimal dilutions. Bacteria were identified through analysis of their colonial and cellular morphology, physiological and biochemical characteristics. From leaves it was obtained 76 strains of endophytic bacteria and from water tanks it was obtained 124 strains, with the predominance of Bacillus, Burkolderia, Staphylococcus and Streptomyces genera. The Gram positive bacteria presented a great number of strains producing extra-cellular enzymes compared to Gram negative strains. The Gram positive strains isolated from the leaves were better in the production of cellulase, pectinase and lipase, and those isolated form water tanks were better in the production cellulase, amylase and protease. It was observed that the majority of the endophytic strains produce one kind of promoting growth. With the exception of fixing nitrogen, observed only with Gram negative strains, it was observed that the production of promoting growth substance is disseminated between endophytic bacteria. The analysis of biodiversity was carried out with the Shannon-Weaver index, that demonstrated (H=3.449) and (H=3.070). These results showed that there are a little higher biodiversity in the water tanks than in the leaves.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/34654
Arquivos Descrição Formato
000771651.pdf (248.4Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.