Repositório Digital

A- A A+

Contribuições para um método de identificação de perdas por improvisação em canteiros de obras

.

Contribuições para um método de identificação de perdas por improvisação em canteiros de obras

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Contribuições para um método de identificação de perdas por improvisação em canteiros de obras
Autor Sommer, Lucila
Orientador Formoso, Carlos Torres
Data 2010
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Engenharia. Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil.
Assunto Canteiro de obras
Materiais de construção : Perdas
Planejamento e controle da produção
[en] Improvisation
[en] Last planner
[en] Planning
[en] Production control
[en] Waste
Resumo Na gestão da produção, existe a necessidade de adotar medidas que contribuam para solucionar os problemas existentes nos canteiros de obras e dar continuidade à execução das atividades. Entretanto, falhas na identificação dos pré-requisitos necessários para a realização das atividades podem dificultar o cumprimento dos planos. Mesmo que o fluxo de trabalho não seja interrompido, a execução de atividades sem condições adequadas pode ter um impacto negativo na eficiência, na qualidade e nas condições de trabalho. Esta situação é apontada na bibliográfica como uma nova categoria de perda, denominada de making-do, a qual está fortemente relacionada à ocorrência de improvisações pelas equipes de trabalho. O estudo das perdas por improvisação pode contribuir para melhor compreensão das falhas que ocorrem durante o processo de planejamento. Embora esta categoria de perda tenha sido discutida sob um enfoque teórico, inexiste na bibliografia trabalhos que tenham investigado a utilização deste conceito no controle da produção. Assim, o objetivo principal deste trabalho é propor um método de identificação de perdas por improvisação que gere informação para orientar a equipe de gestão da produção, particularmente no planejamento de médio prazo, no qual devem ser identificadas e removidas as restrições. Foram realizados dois estudos de caso em empresas que tinham processos de planejamento e controle da produção fortemente baseados no sistema Last Planner®. Em cada estudo, buscou-se identificar a ocorrência, assim como as causas e impactos desta categoria de perdas na gestão da produção. O desenvolvimento deste trabalho seguiu as seguintes etapas: (a) compreensão das barreiras existentes para a realização do planejamento de médio prazo; (b) observação direta de perdas por improvisação em canteiros de obras; (c) análise cruzada dos dados de perdas por improvisação e planejamento e controle da produção; e (d) proposição do método de identificação de perdas por improvisação em canteiros de obra. Os resultados deste trabalho indicaram que a maioria das improvisações é relacionada ao acesso e a mobilidade das equipes durante a execução das atividades, e a deficiências na montagem das instalações de proteção contra acidentes. Ainda, a redução de segurança e a perda de materiais destacamse como os impactos mais importantes destes tipos de perdas. Embora os resultados não sejam representativos para o setor da construção civil, espera-se que este estudo possa contribuir para que sejam identificadas oportunidades de melhorias para os sistemas de planejamento e controle da produção, gestão da segurança e gestão da qualidade, a partir da compreensão das improvisações que podem ocorrer nos canteiros de obras.
Abstract In production management, it is necessary to adopt measures that contribute for the solution of existing problems, in order to give continuity in the execution of activities. However, failures in identifying the necessary requirements for carrying out activities may result in the non-completion of plans. Even if the workflow is not interrupted, carrying out activities without adequate conditions may have a negative impact in efficiency, quality, and work conditions. This situation is pointed out in the literature as a new category of waste, named making-do, which is strongly related to the occurrence of improvisations by the workforce. The study of improvisation as a waste can contribute to understand the failures that occur in planning process. Although this category of waste has been discussed at a theoretical level, the application of this concept in production control has not been reported in the literature. The main objective of this research work is to propose a method of identifying improvisation as a waste, which produces information for guiding production management teams, particularly at look-ahead planning level, when constraints should be identified and removed. Two case studies have been carried out in companies that had a production planning and control process strongly based in the Last Planner® system. In each case study, making-do events were identified, as well their main causes and impacts in production management. The development of the research was divided in the following stages: (a) understanding of existing barriers to the look-ahead planning; (b) direct observation of improvisations in construction sites; (c) cross analysis of improvisations and production planning and control data; (d) proposal for a method to identify the improvisation on a construction site. The results indicated that most of the improvisations is related to access or mobility of the workforce during the execution of the activities, and inadequate installation of protections against accidents. Besides, safety and materials waste stands out as the most important impacts of these improvisations. Although the results are not representative of the construction sector, it is expected that this study will contribute for the identification of improvement opportunities for production planning and control, safety management, and quality management systems, based on understanding of improvisations that may happen in construction sites.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/34763
Arquivos Descrição Formato
000788427.pdf (9.466Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.