Repositório Digital

A- A A+

Efeito da taurina sobre a esteatose hepática induzida por tioacetamida em Danio rerio

.

Efeito da taurina sobre a esteatose hepática induzida por tioacetamida em Danio rerio

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Efeito da taurina sobre a esteatose hepática induzida por tioacetamida em Danio rerio
Autor Hammes, Thais Ortiz
Orientador Silveira, Themis Reverbel da
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Medicina: Ciências em Gastroenterologia e Hepatologia.
Assunto Figado gorduroso
Peixe-zebra
Taurina
Tioacetamida
Resumo Introdução: A doença hepática gordurosa não alcoólica é uma das formas mais comuns de doença hepática crônica no mundo ocidental. A taurina é um aminoácido que apresenta atividade antioxidante e, por isso, pode ser uma terapia promissora nessa hepatopatia. Objetivo: Avaliar o efeito da taurina na esteatose hepática induzida por tioacetamida em Danio rerio. Métodos: Os animais foram divididos em 4 grupos (n=288): controle (Ctrl - 20 μL de solução salina), taurina (TAU – 1000 mg/kg), tiaoacetamida (TAA – 300 mg/kg) e com coadministração de taurinatioacetamida (TAU+TAA – 1000 mg/kg + 300 mg/kg). A TAA foi injetado por via intraperitoneal, 3 vezes por semana, durante 2 semanas. A expressão de mRNA, histologia, lipoperoxidação e atividade de enzimas antioxidantes foram avaliadas no tecido hepático e o conteúdo de triglicerídeos foi medido no soro. Resultados: A injeção de TAA induziu esteatose, a qual foi confirmada por métodos histológicos. A lipoperoxidação mostrou ser maior no grupo TAA (0.89 ± 0.06 nmol/mg de proteína) em comparação com o grupo TAU+TAA (0.50 ± 0.01 nmol/mg de proteína) (P<0.001). A atividade da superóxido dismutase (SOD) no grupo TAU+TAA (5.95 ± 0.40 U SOD/mg de proteína) foi aumentada quando comparada com o grupo TAA (4.14 ± 0.18 U SOD/mg de proteína) (P<0.001). A atividade da catalase e os triglicerídeos séricos não apresentaram alteração. A expressão de mRNA da Sirtuína 1 (0,5 vezes) e do receptor 2 de adiponectina (0,39 vezes) foram menores nos grupos TAA do que no grupo Ctrl (P<0.05). A expressão de mRNA do TNF-α foi 6,4 vezes maior no grupo TAA que no grupo Ctrl. A expressão de Sirtuina1 foi 2,6 vezes maior na TAU+TAA do que no grupo TAA. Conclusão: A taurina parece melhorar a esteatose hepática, reduzindo o estresse oxidativo e aumentando a expressão da Sirtuina 1.
Abstract Background: Nonalcoholic fatty liver disease is one of the most prevalent forms of chronic liver disease in the Western world. Taurine is a amino acid with antioxidants proprieties that may be a promising therapy for treating this disease. Aim: To evaluate the effect of taurine on hepatic steatosis induced by thioacetamide in Danio rerio. Methods: Animals were divided into 4 groups (n=288): control (20 μl of saline solution), taurine (1000 mg/kg), thioacetamide (300 mg/kg) and with coadministration of taurine-thioacetamide group (1000 mg/kg plus 300 mg/kg). Thioacetamide was injected intraperitoneally three times a week for 2 weeks. The mRNA expression, lipoperoxidation, antioxidant enzymatic activity and histological analyses were evaluated in the liver and the triglyceride content was assessed in the serum. Results: Thioacetamide injection induced steatosis, as indicated by histological analyses. The lipoperoxidation showed significant lipid damage in the thioacetamide group (0.89 ± 0.06 nmol/mg of protein) compared to the taurinethioacetamide group (0.50 ± 0.01 nmol/mg of protein) (P < 0.001). Superoxide dismutase (SOD) activity in the taurine-thioacetamide group (5.95 ± 0.40 SOD/mg of protein) was significantly increased compared to the thioacetamide group (4.14 ± 0.18 U SOD/mg of protein) (P < 0.001). The mRNA expression of SIRT1 (0.5-fold) and Adiponectin receptor 2 (0.39-fold) were lower in the thioacetamide group than the control (P < 0.05). TNF-α mRNA expression was 6.4-fold higher in the thioacetamide group than control (P < 0.05). SIRT1 mRNA expression was 2.6-fold higher in the taurine-thioacetamide group than in the thioacetamide group. Conclusion: Taurine seems to improve hepatic steatosis by reducing oxidative stress and increasing SIRT1 expression.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/35024
Arquivos Descrição Formato
000793599.pdf (3.075Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.