Repositório Digital

A- A A+

Avaliação da utilização de Furosemida em eqüinos Puro Sangue de Corrida e sua correlação com a Hemorragia Pulmonar Induzida por Exercício

.

Avaliação da utilização de Furosemida em eqüinos Puro Sangue de Corrida e sua correlação com a Hemorragia Pulmonar Induzida por Exercício

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Avaliação da utilização de Furosemida em eqüinos Puro Sangue de Corrida e sua correlação com a Hemorragia Pulmonar Induzida por Exercício
Outro título Evaluation of the use of furosemide in thoroughbred horses and its correlation to exercise-induced pulmonary hemorrhage
Autor Moreira, Christian Davids
Orientador Gregory, Ricardo Macedo
Co-orientador Mattos, Rodrigo Costa
Data 2008
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias.
Assunto Cavalo Puro Sangue
Furosemida
Hemorragia pulmonar
[en] Equine
[en] Exercise
[en] Exercise
[en] Pulmonary hemorrhage
[en] Thoroughbred
Resumo A hemorragia pulmonar induzida por exercício (HPIE) ocorre com freqüência em cavalos atletas acarretando prejuízo econômico. O presente estudo foi compreendido em duas etapas, tendo como objetivo na primeira, avaliar a performance dos cavalos levando em consideração a colocação nos páreos e administração da furosemida, no período de setembro de 2005 a julho de 2006, sendo analisados os resultados de 824 eqüinos no Jockey Clube de Porto Alegre. Dos eqüinos que participaram do primeiro estudo, 389 não foram medicados e 435 foram submetidos à medicação prévia com furosemida. Foi observado que nos animais tratados previamente o medicamento influencia positivamente o desempenho do animal, com uma redução de 2,9% no tempo final. A segunda etapa foi desenvolvida durante a campanha de 2007, onde foram examinados 146 eqüinos, 15 minutos após o final da prova. Os animais foram submetidos a um exame endoscópico em que foram observadas as possíveis alterações do trato respiratório anterior do animal, sendo a principal delas a hemorragia pulmonar induzida por exercício. Estes achados foram relacionados com sua performance e com a administração de furosemida. Foi observado que a furosemida não interfere no sangramento. Não se observou influência do sexo na incidência de HPIE, entretanto observou-se aumento de hemorragia com o aumento da idade. De um modo geral, não se observou correlação positiva entre a HPIE e as alterações das vias aéreas superiores e traquéia. Conclui-se que a aplicação de furosemide diminuiu o tempo final empregado em corrida, mas não preveniu a incidência e severidade da HPIE. A incidência de HPIE aumenta com a idade.
Abstract Exercise-induced pulmonary hemorrhage (EIPH) commonly occurs in athletic horses causing economic losses. The present study was set in two trials. The first of them aimed to evaluate the performance of horses taking into account their ranking and furosemide administration, in the period of September 2005 to July 2006, being analysed the results from 824 horses, were analysed at the Porto Alegre Jockey Club. From the equines these, 389 were not treated and 435 were submitted to previous furosemide treatment. On treated animals, it was observed that the medicine affects animal performance, and also a reduction of 2.9% at the final time. The second trial was developed during 2007, where 146 equines were examined, 15 minutes after the race. The animals were submitted to an endoscopic exam in which there were observed possible abnormalities of the upper respiratory tract, being the main one the exerciseinduced pulmonary hemorrhage. These findings were related to their performance and furosemide administration. It was observed that the furosemide does not interfere on EIPH incidence. Gender did not influence the HPIE incidence; however it was observed an increase in the pulmonary bleeding with the increase of age. . Generally, it was not observed a positive correlation between EIPH and the upper respiratory tract and windpipe abnormalities, and only 15.25% of the cases related to the presence of EIPH with dorsal dislocation of the soft palate, being not statistically significant. I was concluded that the use of Furosemide enhancest the performance time, but did not prevent the incidence and the degree from EIPH. The incidence of EIPH increases with age.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/35393
Arquivos Descrição Formato
000794952.pdf (354.9Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.