Repositório Digital

A- A A+

Urbanização e segregação socioespacial : uma análise da área de ocupação irregular Monte das Oliveiras em Boa Vista (RR)

.

Urbanização e segregação socioespacial : uma análise da área de ocupação irregular Monte das Oliveiras em Boa Vista (RR)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Urbanização e segregação socioespacial : uma análise da área de ocupação irregular Monte das Oliveiras em Boa Vista (RR)
Autor Mussato, Osvair Brandão
Orientador Cirino, Carlos Alberto Marinho
Data 2011
Nível Mestrado profissional
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Programa de Pós-Graduação em Economia.
Assunto Boa Vista (RR)
Economia urbana
Espaço urbano
Urbanização
[en] Environment
[en] Segregation
[en] Speculation
[en] Urbanization
Resumo O espaço urbano é percebido de diferentes maneiras pelos atores que participam de sua produção. No modelo de produção capitalista o espaço tornou-se uma mercadoria diferenciada, com alto grau de liquidez, propiciando elevados rendimentos àqueles que o possuem. Contudo, numa sociedade, cujo modelo prima pela diferenciação, nem todos pode usufruir do espaço de maneira igual. Em Boa Vista, capital do Estado de Roraima, ao observarmos os diferentes espaços, percebemos que o processo de urbanização caracterizou-se por uma forte segregação sócio espacial, que impulsiona para as áreas menos propicias a ocupação parcela significativa da sociedade. Nesse trabalho, objetivamos compreender essa dinâmica de exclusão a partir da análise da atuação dos agentes que coordenam a produção do espaço urbano. É fundamental nesse processo percebermos o papel do Estado, como agente regulador do uso e ocupação do solo urbano, utilizando-se dos mecanismos legais que lhe estão disponíveis. Para tanto, amparamo-nos numa metodologia de pesquisa exploratória, utilizando-se de questionários para capturar os dados necessários para nossa análise, além da observação direta da paisagem. O recorte espacial proposto, a área de ocupação irregular Monte das Oliveiras, propiciou-nos um melhor entendimento da dinâmica de expansão urbana impulsionada pela segregação, condicionando homem e meio a impactos, muitas vezes, irreversíveis. É nessa perspectiva que, por fim, apresentamos, após uma criteriosa análise dos dados obtidos, algumas considerações sobre o processo de produção do espaço urbano de Boa Vista-RR, destacando a influencia da especulação imobiliária, o papel do Estado e da sociedade.
Abstract The urban space has been seen of different ways by the actors that have participate in its production. In the model of capitalist production space has become a commodity differentiated, with a high degree of liquidity, providing high income to those who possess it. However, in a society whose material model for differentiation, not everyone can enjoy the space equally. In Boa Vista, Roraima State capital, we observe the different spaces, to find that the urbanization process was characterized by a strong socio-spatial segregation, which impels it to areas less conducive to occupation significant portion of society. In this study, we aimed to understand the dynamics of exclusion from the analysis of the activities of agents who coordinate the production of urban space. It is vital to this process to realize the state's role as a regulator of the use and occupation of urban land, using the legal mechanisms available to you. For that, we took on a methodology for exploratory research, using questionnaires to capture the necessary data for our analysis beyond the direct observation of the landscape. The spatial area proposed, the area of irregular occupation Monte das Oliveiras, allowed us a better understanding of the dynamics of urban expansion driven by segregation, conditioning the middle man and impacts, often irreversible. In this perspective, finally, we present, after a careful data analysis, some considerations about the production process of urban areas of Boa Vista-RR, highlighting the influence of speculation office, the paper of state and society.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/35436
Arquivos Descrição Formato
000788690.pdf (3.470Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.