Repositório Digital

A- A A+

Aspectos relevantes para implantação do teletrabalho em empresas sediadas em cidades de pequeno ou médio porte

.

Aspectos relevantes para implantação do teletrabalho em empresas sediadas em cidades de pequeno ou médio porte

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Aspectos relevantes para implantação do teletrabalho em empresas sediadas em cidades de pequeno ou médio porte
Autor Cardoso, Fernando Conter
Orientador Piccinini, Valmiria Carolina
Co-orientador Becker, Joao Luiz
Data 2000
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Administração. Programa de Pós-Graduação em Administração.
Assunto Administração de pessoal
Administração de recursos humanos
Teletrabalho
Resumo Freqüentemente apresentado como alternativa de redução de custos no contexto dos grandes centros urbanos, nos quais se acentuam os problemas resultantes da aglomeração, é de se questionar se o teletrabalho não seria também adequado para aplicação em cidades de menor porte. Buscando identificar junto a empresários, gerentes e funcionários de organizações sediadas em Campo Grande - MS, os aspectos relevantes para a estruturação de equipes atuando no regime de teletrabalho, a fim de avaliar as possibilidades de sua implantação, foi conduzida esta pesquisa exploratória, aplicada em uma amostra composta por executivos, gerentes e trabalhadores. Os resultados apontaram que existe uma pré-disposição para a adoção do teletrabalho, maior entre os trabalhadores e menor entre os gerentes. A redução dos gastos, pessoais ou da empresa, é o fator que se destacou como motivador para adoção do teletrabalho.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/3550
Arquivos Descrição Formato
000295241.pdf (472.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.