Repositório Digital

A- A A+

Ocorrência e fatores de risco da mordida aberta anterior em pacientes de 6 a 12 anos do setor de ortodontia da Faculade de Odontologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (FO-UFRGS)

.

Ocorrência e fatores de risco da mordida aberta anterior em pacientes de 6 a 12 anos do setor de ortodontia da Faculade de Odontologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (FO-UFRGS)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Ocorrência e fatores de risco da mordida aberta anterior em pacientes de 6 a 12 anos do setor de ortodontia da Faculade de Odontologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (FO-UFRGS)
Autor Turra, Camila Cristina
Giachini, Marcela Kelin
Orientador Mundstock, Karina Santos
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Odontologia. Curso de Odontologia.
Assunto Mordida aberta
Ortodontia
[en] Malocclusion
[en] Open bite
[en] Orthodontics
Resumo OBJETIVOS: Avaliar a relação existente entre mordida aberta anterior, mordida cruzada, hábitos de sucção não nutritiva com a forma das arcadas dentárias. MATERIAIS E MÉTODOS: Uma amostra de 213 prontuários de pacientes de 6 a 12 anos tratados na disciplina de Ortodontia e Ortopedia Clínica do curso de graduação da FO-UFRGS foi avaliada e as variáveis tipo e tempo de aleitamento, sucção não nutritiva, hábitos deletérios, presença de mordida aberta e de mordida cruzada foram estudadas. A determinação da forma dos arcos foi avaliada nas fotos intra-orais contidas nas documentações ortodônticas e classificada em ogival, quadrada, arredondada e catenária. RESULTADO: A maior parte da amostra (58,2%) era do sexo feminino e a idade média foi de 8,3 anos. 77,4% apresentavam algum hábito deletério como onicofagia (24%), morder objetos (11,3%), mamadeira (10,3%), chupeta (8%), sucção digital (6,6%), morder lábios (1,4%), interposição de língua (13,1%) e interposição de lábio (2,3%). A mordida aberta anterior (MAA) foi observada em 32,9% da amostra e foi encontrada relação entre MAA e o uso de chupeta (p= 0,000). A mordida cruzada posterior foi observada em 30% da amostra. CONCLUSÃO: Existe associação entre o hábito de sucção de chupeta e MAA, porém não se estabelecendo esta relação com os demais hábitos. Observou-se que pacientes com MAA apresentaram um menor tempo de aleitamento materno do que aqueles que não possuem essa maloclusão. Verificou-se também associação da forma do arco superior ogival com MAA. O uso de chupeta está associado à forma de arcada inferior arredondada, enquanto que o não uso da chupeta ao tipo catenária. Além disso, também foi encontrada associação da forma ogival da arcada dentária superior com a maloclusão mordida cruzada posterior.
Abstract OBJECTIVES: To evaluate the relationship among anterior open bite, crossbite, non-nutritive sucking habits and shape of dental arches. MATERIALS AND METHODS: a sample of 213 orthodontic records , aged 6 to 12 years treated in the undergraduate orthodontic and dentofacial orthopedic clinic at FO-UFRGS was evaluated and duration of artificial feeding, non-nutritive sucking, harmful habits, presence of open bite and crossbite variables were studied. The determination of the form of the arch was evaluated in intra-oral photographs contained in the orthodontic records and classified as ogival, square, round and catenary. RESULTS: The majority of the sample (58.2%) were females and mean age was 8.3 years. 77.4% had some deleterious habits such as nail biting (24%), biting objects (11.3%), bottle (10.3%) or pacifier (8%), digital sucking (6.6%), lip biting (1.4%), tongue interposition (13.1%) and lip interposition (2.3%). Anterior open bite (AOB) was observed in 32.9% of the cases and there was a relationship between AOB and pacifier use (p = 0.000). Posterior crossbite was observed in 30% of cases. CONCLUSION: There was an association between the pacifier sucking and AOB, but no such relationship was found with the other habits. It was observed that patients with AOB had a shorter duration of breastfeeding than those who did not have this malocclusion. There was an association of the ogival arch form with AOB. Pacifier use is associated with round arch form for the lower jaw rounded, while not using the pacifier was associated with catenary type. In addition, it was found a significant association of posterior crossbite with the ogival arch form for the upper arch.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/35575
Arquivos Descrição Formato
000795304.pdf (710.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.