Repositório Digital

A- A A+

Arte e identidade : uma experiência pedagógica no Ensino Fundamental.

.

Arte e identidade : uma experiência pedagógica no Ensino Fundamental.

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Arte e identidade : uma experiência pedagógica no Ensino Fundamental.
Autor Bocklage, Clarissa de Moraes
Orientador Biazus, Maria Cristina Villanova
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Artes. Curso de Artes Visuais: Licenciatura.
Assunto Aprendizagem
Arte : Processo ensino-aprendizagem
Identidade
[en] Art
[en] Identity
[en] Learning pathway
[en] Pedagogical process
Resumo Na vida contemporânea, saber-se quem se é tornou-se um fenômeno complexo. A sociedade está calcada em comportamentos estereotipados e pré-fabricados. Esse trabalho objetiva refletir sobre algumas questões sobre como a arte pode contribuir para uma melhor compreensão dos processos da construção da identidade. Percebe-se que os jovens de hoje não encontram referências pedagógicas para construir sua caminhada escolar e acredita-se que as artes visuais, por sua natureza estético-autoral, podem possibilitar um encontro do indivíduo consigo mesmo. Este estudo, realizado com uma turma de quinta e outra de oitava série da Escola Estadual de Ensino Médio Anne Frank, está calcado na intersecção da experiência pedagógica do estágio curricular com a reflexão ativo-teórica sobre o processo percorrido, enfatizando a questão da identidade tendo como base teórica principal as ideias de Zygmunt Bauman. Para isso, foi criada uma estratégia de ação que englobasse a presente reflexão escrita com a atuação docente, que consistiu em uma atividade escrita aliada a uma expressão plástica proposta no início e no final do percurso pedagógico, visando registrar as concepções existentes acerca da arte e da auto-percepção dos alunos. A ideia foi verificar se a atuação docente poderia surtir algum tipo de modificação nestas concepções. Como principais resultados dessa investigação, observou-se que os alunos puderam alcançar um maior refinamento em sua auto-percepção e na concepção de arte, bem como em suas expressões plásticas. Tais resultados são registrados aqui em detalhes.
Abstract In contemporary life, knowing who you are has became a complex phenomenon. The society is steeped in stereotypes and prefabricated behaviors. This work aims to reflect on some questions about how art can contribute to a better understanding of identity processes. It is noticed that the youth of today do not find pedagogical references to build its school walk and it is believed that the visual arts, by their nature esthetic and autorship, can enable an encounter with oneself. This study, conducted whit a group of a fifth and an eighth grades of the High School Anne Frank, hinges on the intersection of the curricular teaching experience with the active theoretical reflection on the process covered, emphasizing the question of identity based on the main theoretical ideas of Zygmunt Bauman. For this, we create an action plan encompassing this written reflection with teacher performance, which consisted of a written activity combined with an artistic expression proposed in the beginning and end of the course teaching in order to register the existing conceptions about art and self-perception of the students. The idea was to determine whether the action could make some kind of modification in these views. In the main results of this investigation, we found that the students were able to reach a greater refinement in their self-perception and conception of art including in their plastic expressions. These results are recorded here in detail.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/36785
Arquivos Descrição Formato
000818837.pdf (1.137Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.