Repositório Digital

A- A A+

Salmonella spp. em granjas de postura em processo de certificação para a produção orgânica no Rio Grande do Sul

.

Salmonella spp. em granjas de postura em processo de certificação para a produção orgânica no Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Salmonella spp. em granjas de postura em processo de certificação para a produção orgânica no Rio Grande do Sul
Autor Perdoncini, Gustavo
Orientador Nascimento, Vladimir Pinheiro do
Co-orientador Pinto, Andrea Troller
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias.
Assunto Aves : Postura
Avicultura
Certificação : Origem animal
Produção orgânica
Salmonella spp
[en] Hens
[en] Organic system
[en] Salmonella spp.
Resumo Nos últimos anos observaram-se mudanças nos métodos empregados para a produção agropecuária. Dentre eles, o sistema orgânico de produção vem ganhando espaço no mercado, devido ao desenvolvimento de novos hábitos gerados a partir da preocupação com a segurança alimentar. Entretanto, os processos produtivos em sistemas de produção não convencional também estão sujeitos a contaminações, dentre elas, contaminação por Salmonella spp. Devido a estas preocupações, observou-se a necessidade de estudar novos segmentos produtivos, os quais podem ser possíveis fontes de contaminação. Nesse estudo foram acompanhadas 5 granjas que estão em processo de certificação para a produção de ovos em sistema orgânico. Avaliou-se a ocorrência de Salmonella spp. no alojamento de pintos de um dia através de swab de cloaca e fundo de caixa. No decorrer do ciclo produtivo, também foi avaliado a presença de Salmonella spp. na cama dos aviários, acesso a área externa, ninhos e ovos (casca e conteúdo interno), quantificando este agente através da técnica do número mais provável – NMP. Dos 7 lotes avaliados, 3 foram positivos para Salmonella spp. em algum momento da produção. Na granja A, houve isolamento de Salmonella Agona a partir de um ninho do lote A1 (3,0 NMP/mL). Na mesma propriedade, houve isolamento de Salmonella Gallinarum em um segundo lote (A2), proveniente de um surto de salmonelose que ocorreu logo após o alojamento das aves, ocasionando aumento da mortalidade (33,7% acumulado até o 9° dia de alojamento). Salmonella Agona também foi isolada partir de dois pools de swabs de cloaca de aves de um dia e swab de cama de aviário, sendo que este último apresentou 60,03 NMP/mL, ambas oriundas da granja B. As granjas C, D e E avaliadas e seus respectivos lotes, apresentaram resultados negativos em todas as avaliações realizadas. Os isolados de S. Agona oriundas do swabs de cloaca apresentaram o mesmo perfil genético. No mesmo sentido, as amostras isoladas do ambiente também apresentaram o mesmo perfil entre elas, diferenciando-as dos isolados de swab de cloaca. A presença de S. Agona no ambiente avícola representa um possível meio de contaminação para os ovos produzidos. Tratando-se de um sorotipo que pode infectar seres humanos, medidas sanitárias devem ser empregadas para evitar infecções alimentares causada por esse agente.
Abstract Changes have been observed in the methods used in agricultural production over the last few years. Among them, organic production system has been gaining presence on the market due to development of new habits from the concern with food safety. Nonetheless, the productive processes of unconventional production systems are also subject to contamination, including by Salmonella spp. Due to such concerns, it is necessary to study other productive sectors which could be subject to potential sources of contamination. This study monitored 5 poultry farms undergoing the certification process in order to produce organic eggs. The following items were assessed: occurrence of Salmonella spp. in chicks through cloaca swab and transport boxes and presence and quantity of Salmonella spp. through the assay Most Probably Number - MPN/g in soiled poultry litter, access of the birds to external areas, their nests and eggs (eggshell and internal contents). Of the 7 flock evaluated, 3 were Salmonella spp. positive at some point of the production. In farm A, Salmonella Agona was isolated from the nest of A1 flock (3.0 MPN). In the same property, Salmonella Gallinarum was isolated from a second flock (A2), with signs and lesions consistent with Salmonella observed just after the birds were housed, causing an increase in the mortality rate (33.7% until the 9th housing day). Salmonella Agona was also isolated from two pools of cloaca swabs from one-day-old birds and swab from the poultry litter, which showed 60.03 NMP, originated from farm B. Farms C, D and E and their respective flocks showed negative results in all tests. The isolation of S. Agona isolated from two pool of cloaca, show the same genetic profile. Similarly, the isolated from birds’ environment also showed the same genetic profile between them, differencing the isolated cloaca swabs. The isolation of S. Agona in the birds’ environment can be a source of infection for eggs. Since this is a serotype that may infect humans, control measures must be employed to avoid food-borne diseases caused by this agent.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/36857
Arquivos Descrição Formato
000819160.pdf (662.1Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.