Repositório Digital

A- A A+

A Imagem da mulher no discurso psiquiátrico gaúcho : análise de três publicações da Faculdade de Medicina de Porto Alegre

.

A Imagem da mulher no discurso psiquiátrico gaúcho : análise de três publicações da Faculdade de Medicina de Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A Imagem da mulher no discurso psiquiátrico gaúcho : análise de três publicações da Faculdade de Medicina de Porto Alegre
Autor Veleda, Renata Kaupe
Orientador Pinto, Celi Regina Jardim
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. Curso de História: Licenciatura.
Assunto Discurso psiquiátrico
Identidade de gênero
Mulher
Rio Grande do Sul
Resumo Este trabalho visa traçar a imagem da mulher normal e desviante presente no discurso psiquiátrico gaúcho do início do século XX através de três teses da Faculdade de Medicina de Porto Alegre. As obras analisadas foram “Da intoxicação do amor”, de 1908; “Psychoses do amôr: Estudo sobre as alterações do instincto sexual” , de 1918 e“A concepção freudeana da psychoneuroses”,de 1925. Essas três publicações foram utilizadas para traçar quais os papéis considerados femininos e como essa definição estava baseada em uma ideia de essência feminina. Essa essência feminina seria explicada por fatores orgânicos e estava entrelaçada com os papéis atribuídos às mulheres. Ao longo deste trabalho, foi feito um levantamento de como a imagem ideal de mãe, esposa e rainha do lar estava presente nas discussões teóricas, nas definições da relação amorosa e sexual “normal” e nas descrições de casos de cada obra. Partindo da concepção de Foucault de que o discurso é uma forma de poder, que constrói a prática, considera-se que essas imagens presentes na definição do que é ser mulher não se tratam apenas de um elemento teórico, mas sim de uma forma de normatizá-las. Dizer que mulheres são de determinada forma, pode também produzir mulheres de tal forma. Por isso, também se realizou um breve panorama do papel social do discurso psiquiátrico do final do século XIX ao início do século XX.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/37063
Arquivos Descrição Formato
000819772.pdf (359.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.