Repositório Digital

A- A A+

A poética do spray : um estudo paleográfico dos grafismos urbanos em Porto Alegre

.

A poética do spray : um estudo paleográfico dos grafismos urbanos em Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A poética do spray : um estudo paleográfico dos grafismos urbanos em Porto Alegre
Autor Pereira, João Augusto
Orientador Oliveira, Lizete Dias de
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação. Curso de Biblioteconomia.
Assunto Arte urbana
Grafismo urbano
Paleografia
[es] Espacio urbano
[es] Grafismo urbano
[es] Paleografia
Resumo Objetiva estudar os grafismos urbanos em Porto Alegre a partir de uma análise Paleográfica. O termo grafismo urbano, que se refere à escrita transgressora e subversiva que se apropria de espaços públicos e privados, é conceituado segundo seus aspectos morfológicos e territoriais. O espaço urbano se constitui o cenário articulador das relações sociais entre os praticantes das intervenções e a população. O bairro Cidade Baixa, por ser um local de grande incidência desse tipo de manifestação, foi escolhido como amostra para este estudo. Os grafismos são apresentados através de sua contextualização histórica, sua evolução e sua presença na Cidade de Porto Alegre. Através da Semiótica, são identificadas a linguagem utilizada nas mensagens deixadas nas paredes e suas características singulares que formam seu sentido poético. Os registros gráficos no contexto porto-alegrense são analisados, morfologicamente, a partir de uma metodologia adaptada da Paleografia. São apresentados os resultados oriundos do registro de trinta e cinco documentos coletados. É exposta uma sistemática de trabalho resultante da metodologia empregada do registro e análise do material coletado.
Resumen Objetiva estudiar los grafismos urbanos en Porto Alegre desde un análisis Paleográfico. El término grafismo urbano, que se refiere a la escritura transgresora y subversiva que se apropia de espacios públicos y privados, es conceptuado según sus aspectos morfológicos y territoriales. El espacio urbano se constituye en el escenario articulador de las relaciones sociales entre los practicantes de las intervenciones y la población. El barrio Cidade Baixa fue elegido como muestra para este estudio por ser un local de gran incidencia de este tipo de manifestación. Los grafismos son presentados a través de su contextualización histórica, su evolución y su presencia en la ciudad de Porto Alegre. A través de la Semiótica, son identificados el lenguaje utilizado en los mensajes dejados en las paredes y sus características singulares que forman su sentido poético. Los registros gráficos en el contexto porto-alegrense son analizados, morfológicamente, a partir de una metodología adaptada de la Paleografia. Son presentados los resultados del registro de treinta y cinco documentos recopilados.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/37570
Arquivos Descrição Formato
000819820.pdf (11.18Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.