Repositório Digital

A- A A+

A Importância da contação de contos de fadas na resolução de dramáticas de medo

.

A Importância da contação de contos de fadas na resolução de dramáticas de medo

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A Importância da contação de contos de fadas na resolução de dramáticas de medo
Autor Mengue, Carem da Silva
Orientador Meinerz, Carla Beatriz
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Curso de Pedagogia: Ensino a Distância: Licenciatura.
Assunto Alfabetização
Contador de histórias
Conto de fada
Hora do conto
Letramento
Medo
[en] Autonomy
[en] Fairy tale
[en] Fear
[en] Literacy
Resumo O presente trabalho tem como fundamentação o reconhecimento da utilização de contação de contos de fadas na resolução de dramáticas de medo. Assim, destaca-se o problema desta pesquisa: ―Como a literatura infantil contribui na construção de hipóteses para solucionar dramáticas vivenciadas pelos medos no processo de alfabetização?‖. As argumentações teóricas que se sobressaem neste estudo são: Bruno Bettelhein no seu livro: ―A psicanálise dos contos de fadas‖, que aborda tematicamente vários contos de fadas e sua importância, mas enfatiza também a grande influência na vida de cada deste gênero literário. Fanny Abramovich que em seu livro ―Gostosuras e bobices‖ enfatiza a importância da contação de histórias como um momento mágico que podemos propiciar em sala de aula. Ana Maria Machado que em seu livro ―Como e porque ler clássicos universais desde cedo‖ nos faz refletir sobre as influências da mídia e modernidades contemporâneas que não ultrapassam nunca a influência positiva dos contos de fadas. Yves de La Taille, que através do pensamento de Piaget nos relembra das fazes de heteronomia das crianças e a conexão do medo como um sentimento próprio, importante, mas que deve ser ultrapassado. Desta forma, o presente trabalho evidencia a análise de relato de experiência de estágio em pedagogia numa turma do primeiro ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental Fernando Ferrari, destacando as vivências de um aluno denominado MMM. Reflete teoricamente a trajetória deste aluno após a contação de ―Chapeuzinho Amarelo‖, Chico Buarque, sua escuta e identificação com a problemática da mesma, iniciando um processo de enfrentamento de seus medos. Esta obra aborda a temática do medo de uma forma especial em que a criança se identifica com a linguagem simples e lúdica dos contos de fadas. Neste processo de análise, fica evidente o crescimento da autonomia do educando MMM a partir desta contação, pois os contos de fadas são obras literárias capazes de auxiliar o educando em seu processo cognitivo e intelectual, já que apresentam histórias com conflitos cotidianos, levando aos leitores a se visualizarem dentro do conto que esta lendo ou ouvindo.
Abstract The present work has as foundation the recognition of the use of telling fairy tales in dramatic resolution of fear. Thus, there is the problem of this research: "As children's literature contributes to the construction of hypotheses to address the fears experienced by the dramatic process of literacy?". The theoretical arguments that stand out in this study are: Bruno Bettelhein in his book: "Psychoanalysis of fairy tales", which deals thematically various fairy tales and their importance, but also emphasizes the great influence in the lives of each of this literary genre. Fanny Abramovich who in his book "Trick Bobic and" emphasizes the importance of storytelling as a magical moment that we can provide in the classroom. Ana Maria Machado, who in his book "How and why reading classic literature early" makes us reflect on the influences of contemporary media and modernity than never exceed the positive influence of fairy tales. Yves de La Taille, who thought by Piaget reminds us of doing heteronomy of children and the connection as a feeling of fear itself important, but which must be overcome. Thus, this work shows the analysis report of internship experience in teaching a class the first year of the School of Basic Education Fernando Ferrari, highlighting the experiences of a student called MMM. Theoretically reflects the trajectory of the student after the telling of "Yellow Riding Hood", Chico Buarque, listen to and identification with the same problem, initiating a process of facing your fears. This work addresses the theme of fear in a special way in which the child identifies with the simple language and fun of fairy tales. In this process of analysis, it is evident the growth of autonomy of the student MMM from this telling, because fairy tales are literary works that can assist the student in his intellectual and cognitive process, since they present stories with everyday conflicts, taking readers to visualize the inside story that she was reading or listening.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/37721
Arquivos Descrição Formato
000821744.pdf (341.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.