Repositório Digital

A- A A+

Efeitos do alopurinol sobre a lipoperoxidação de membranas celulares renais na síndrome da isquemia e reperfusão : estudo experimental em ratos

.

Efeitos do alopurinol sobre a lipoperoxidação de membranas celulares renais na síndrome da isquemia e reperfusão : estudo experimental em ratos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Efeitos do alopurinol sobre a lipoperoxidação de membranas celulares renais na síndrome da isquemia e reperfusão : estudo experimental em ratos
Autor Rohden, Ernani Luís
Mauri, Marcelo
Petteffi, Leonardo L.
Dacanal, Francisco
Pilla, Marco
Belló-Klein, Adriane
Teloken, Cláudio
Barros, Elvino José Guardão
Rhoden, Claudia Ramos
Resumo Objetivo: Vários estudos têm demonstrado que Radicais Livres de Oxigênio (RLO) contribuem para o dano celular decorrente da isquemia e reperfusão. Este estudo foi desenvolvido como o objetivo de avaliar os efeitos da isquemia e reperfusão renal em ratos, tratados ou não com alopurinol, sobre a lipoperoxidação (LPO) das membranas celulares renais. Método: Foram usados ratos Wistar distribuídos em 4 grupos e submetidos a períodos de isquemia e reperfusão renal ou não, dependendo do grupo. Também foram submetidos ou não a tratamento com alopurinol na dose de 50 e 150 mg/Kg por via intraperitoneal, 5 e 1 horas antes do procedimento. Na avaliação da lipoperoxidação utilizou-se os métodos do TBARS e QL.Resultados: Os resultados demonstraram aumento da LPO nos animais submetidos a isquemia e reperfusão renal. No entanto, estes efeitos deletérios foram reduzidos com o pré-tratamento com alopurinol (p<0,05). Conclusão: O dano causado em animais submetidos a isquemia e reperfusão renal pode ser demonstrado e quantificado pela LPO. Além disso, o alopurinol demonstrou proteção renal contra o dano decorrente desta síndrome, diminuindo a LPO nestes animais. Estes resultados sugerem que a via da xantina oxidase é uma das mais importantes rotas metabólicas envolvidas na geração de RLO, estes responsáveis em parte pelos danos funcionais do rim na síndrome da isquemia e reperfusão deste órgão.
Abstract Background:Evidence has accumulated that oxygen free radical (OFR) contribute to the cellular damage induced by ischemiareperfusion. This study was undertaken to determine the effects of renal ischemia-reperfusion in rats, treated or not with allopurinol evaluating the lipid peroxidation (LPO) of renal cellular membranes. Method: Wistar rats were divided into 4 groups (n=10) and submitted to 50 minutes of renal ischemia and reperfusion and treated or not with allopurinol (50 and 150 mg/Kg of body, 5 and 1 hour before ischemia, respectively). The lipid peroxidation was assessed by TBARS method (Thiobarbituric acid reactives substances) and CL method (Chemiluminescence). Results:The results showed that animals submitted to renal ischemia-reperfusion had renal LPO damage. These effects of ischemia and reperfusion were reduced by treatment with allopurinol (p<0,05). Conclusion: These results suggest that xanthine oxidase is one of the most important pathway envolved in the generation of OFR and chemical reactives elements with injury potencial at the renal cellular membranes due to ischemia-reperfusion syndrome. At least, allopurinol showed benefical effects preventing damage due to renal ischemiareperfusion injury.
Contido em Acta cirúrgica brasileira. São Paulo. Vol. 13, n. 2 (abr./jun. 1998), p. 73-70
Assunto Alopurinol : Uso terapêutico
Isquemia
Medicina experimental
Peroxidação de lipídeos
Ratos
Reperfusão renal
[en] Lipid peroxidation
[en] Oxygen free radical
[en] Renal ischemia and reperfusion
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/37940
Arquivos Descrição Formato
000198831.pdf (202.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.