Repositório Digital

A- A A+

Description of the technique of upper gastrointestinal series radiological examination for the evaluation of the esophagus, stomach and duodenum of Wistar female rats

.

Description of the technique of upper gastrointestinal series radiological examination for the evaluation of the esophagus, stomach and duodenum of Wistar female rats

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Description of the technique of upper gastrointestinal series radiological examination for the evaluation of the esophagus, stomach and duodenum of Wistar female rats
Outro título Descrição de técnica radiológica contrastada de esôfago, estômago e duodeno em ratas Wistar
Autor Grossi, João Vicente Machado
Nicola, Roberto Fernandes
Bigolin, André Vicente
Montes, Juliano Hermes Maeso
Lima, Juliano Nunes Chibiaque de
Kraemer, Raul
Cavazzola, Leandro Totti
Resumo Objetivo: Avaliar a anatomia normal de ratas Wistar e a viabilidade do exame contrastado nesta população. Métodos: Foram submetidas ao exame oito ratas Wistar adultas, em incidência Ântero-Posterior e Perfil. A técnica consiste no posicionamento à 45º de inclinação em relação à mesa radiológica e colocado à Distância Foco Filme (DFF) de 100 cm, Distância Objeto Filme (DOF) de 0 cm, Distância Foco Objeto (DFO) de 100 cm. O contraste baritado foi injetado via sonda nasoesofágica, em intervalos de 5 minutos para cada fase, em um total de quatro fases. Após a realização do exame foi realizada necropsia dos animais para confirmação dos achados radiológicos e da ausência de variações da anatomia normal As radiografias foram analisadas e descritas por radiologista experiente no exame. Resultados: Todos os exames foram satisfatórios no que se refere ao posicionamento, exposição, localização e qualidade do exame. Foi identificado o esôfago com o Esfíncter Esofágico Superior (EES) ao nível de segunda vértebra cervical (C2) e Esfíncter Esofágico Inferior (EEI) entre as vértebras lombares (L1-2), transição toracoabdominal na vértebra Torácica (T10), Junção Esôfago Gástrica em T13-L1, com a porção abdominal em região epigástrica. O estômago, predominantemente, localizou-se em região epigástrica, hipocôndrio esquerdo, flanco esquerdo e mesogástrico. O duodeno teve a maior variação, com predomínio dos achados na região epigástrica, hipocôndrio direito, flanco direito, fossa ilíaca direita e mesogástrica e ao nível de T13-L5. Conclusão: O exame contrastado pôde avaliar a anatomia normal do animal em estudo e foi identificada de forma integral em todos os órgãos avaliados com o método descrito, achados confirmados em todos os animais em necropsia subseqüente.
Abstract Purpose: To evaluate the anatomy of female Wistar rats and the workability of contrast radiography as a technique to investigate the gastrointestinal series. Methods: Eight adult female Wistar rats were undergone to the contrast radiography as anteroposterior incidence and as posterior incidence in profile. The radiological examination was conducted at a 45° angle to the radiological table. Film-focus distance (FFD) was 100 cm, film-object distance (FOD) was 0 cm, and object-focus distance (OFD) was 100 cm. An orogastric probe was used to inject barium contrast at 5-min intervals, for a total of four applications. After the radiological examination, animals were necropsy for confirmation of the radiological findings, and the radiographs were the absence of the normal anatomy variations inspected and described by an experienced radiologist. Results: All the radiographs produced achieved satisfactory results in terms of position, exposure, location and quality. The upper esophageal sphincter (UES) was identified in the esophagus at the nerve C2, the lower esophageal sphincter (LES) was identified between spinal cord segments L1 and L2, the thoracic-abdominal junction was observed at T10, the esophageal-gastric junction (EGJ) at T13-L1, with the abdominal portion in the epigastric region. The stomach was observed mostly in the epigastric region, left hypochondrium, left and mesogastric flank. The duodenum findings presented higher variation, with most findings identified in the epigastric region, right hypochondrium, right flank and mesogastric ileal fossa at T13-L5. Conclusion: Contrast radiology is useful and may be employed to assess the anatomy of the animal being studied. The experimental model described afforded to fully identify all organs investigated, as well as other occasional relevant findings. No anatomical anomalies in the subsequent necropsy, confirming the radiographic findings.
Contido em Acta cirúrgica brasileira. São Paulo. Vol. 24, n. 6 (nov./dez. 2009), p. 490-495
Assunto Duodeno
Esôfago
Estômago
Raios X
[en] Duodenum
[en] Esophagus
[en] Rats
[en] Stomach
[en] X-Rays
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/38037
Arquivos Descrição Formato
000773410.pdf (2.938Mb) Texto completo (inglês) Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.