Repositório Digital

A- A A+

Detecção e tipagem de parvovírus canino (CPV)

.

Detecção e tipagem de parvovírus canino (CPV)

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Detecção e tipagem de parvovírus canino (CPV)
Autor Gonçalves, Karla Rathje
Orientador Canal, Cláudio Wageck
Co-orientador Pinto, Luciane Dubina
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do sul. Faculdade de Veterinária. Curso de Medicina Veterinária.
Assunto Diagnóstico
genotipagem
Parvovirose canina
[en] Canine parvovirus
[en] Characterization
[en] Detection
[en] Diagnosis
[en] Genotyping
Resumo O parvovírus canino (CPV) foi descrito no final da década de 1970 e é considerado uma das principais causas de diarréia e mortalidade em filhotes de cães. Na década de 90, os variantes antigênicos CPV-2a e CPV-2b substituíram completamente o tipo 2 original e se distribuíram amplamente na população canina mundial. A cepa CPV-2c foi descrita na Itália em 2001, sofrendo alteração em um aminoácido (Asp-426 para Glu-426) de um sítio antigenicamente importante. Esta mutação também foi detectada no Vietnam (2004), Espanha (2006), Estados Unidos (2007) e no Uruguai (2007). Em 2009, nosso grupo de pesquisa identificou o tipo 2c em amostras de fezes caninas oriundas da região metropolitana de Porto Alegre (RS). O presente trabalho tem como objetivos detectar CPV-2 de diferentes regiões do Brasil e determinar os tipos antigênicos predominantes. Foram utilizadas amostras de fezes ou suabes retais de cães com idade entre 1 mês e 1 ano, de ambos os gêneros e raças distintas, de municípios do Rio Grande do Sul e diferentes Estados do Brasil. O DNA total das amostras foi extraído através de kit comercial à base de sílica, sendo amplificado, por PCR, um fragmento de 583 pares de bases do gene VP2. Os produtos de amplificação foram purificados, seqüenciados, alinhados pelo método Clustal através do software Bioedit 7.0.0 e submetidos ao GenBank Os resultados obtidos com análise de 130 amostras demonstraram 30,8 % (40/130) de positividade para CPV-2. Foram seqüenciadas 23 amostras de CPV-2 oriundas do Estado do Rio Grande do Sul, Paraná e Santa Catarina, identificando 82,61 % (19/23) do tipo 2c, 13,04 % (3/23) do tipo 2b e 4,35 % (1/23) do tipo 2a. Os resultados deste projeto demonstram que a variante antigênica CPV-2c já está circulando em toda Região Sul do Brasil.
Abstract Canine parvovirus (CPV) was described in the late 1970s and is currently one of the major causes of diarrhea and death among puppies. In the 1990s, CPV-2a and CPV-2b antigenic variants completely replaced original type 2 and rapidly spread to the canine population worldwide. The CPV-2c strain was described in Italy in 2001, with one amino acid change (Asp-426 to Glu-426) on a major antigenic site. This mutation was also detected in Vietnam (2004), Spain (2006), the United States (2007) and Uruguay (2007). In 2009, our research group detected type 2c in fecal samples of dogs in the metropolitan region of Porto Alegre, in southern Brazil. The aims of the present study were to detect CPV-2 in different Brazilian regions and to determine the predominant antigenic types. Fecal samples or rectal swabs obtained from male and female dogs of different breeds aged 1 month to 1 year, from different towns in the state of Rio Grande do Sul and from different Brazilian states, were analyzed. The total DNA of the samples was extracted using a commercially available silicabased kit, with PCR amplification of a fragment of 583 VP2 gene base pairs. The amplification products were purified, sequenced, aligned by the Clustal method by the Bioedit 7.0.0 software and submitted to GenBank. The analysis revealed that 40 (30.8%) out of 130 samples were positive for CPV-2. A total of 23 CPV-2 strains from the states of Rio Grande do Sul, Paraná and Santa Catarina were sequenced, with detection of 82.61% (19/23) of type 2c, 13.04% (3/23) of type 2b and 4.35% (1/23) of type 2a. Our results indicate that the CPV- 2c strain is widely disseminated in southern Brazil.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/38783
Arquivos Descrição Formato
000791965.pdf (898.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.