Repositório Digital

A- A A+

Diluentes INRA para a criopreservação do sêmen equino.

.

Diluentes INRA para a criopreservação do sêmen equino.

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Diluentes INRA para a criopreservação do sêmen equino.
Autor Motta, Felipe François
Orientador Jobim, Maria Ines Mascarenhas
Co-orientador Mattos, Rodrigo Costa
Data 2010
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do sul. Faculdade de Veterinária. Curso de Medicina Veterinária.
Assunto Criopreservação
Equinos : Espermatozoides
Fosfolipídeos
Inseminacao artificial animal : Equinos
Reproducao animal : Equinos
[en] Artificial insemination
[en] Equine
[en] Extender
[en] Milk
[en] Phospholipids
Resumo A inseminação artificial é uma tecnologia fundamental para a produção animal. A necessidade de preservação do sêmen para uso posterior é uma exigência para o progresso desta técnica. O objetivo deste trabalho foi realizar uma revisão bibliográfica sobre a tecnologia dos diluentes empregados para o sêmen eqüino, desenvolvida no INRA (Instituto Nacional de Pesquisa Agronômica - França). A tecnologia utilizada atualmente não foge muito do que se fazia para a conservação dos espermatozoides nas décadas de 40 e 50 do século passado. Esses estudos revelaram o potencial de preservação do sêmen ao longo das horas principalmente de dois produtos de origem animal: a gema do ovo e o leite. Hoje se pretende obter um meio para a criopreservação do sêmen equino, mais seguro possível em sua formulação. Os estudos são direcionados no sentido da ausência de produtos de origem animal no diluente e na presença de elementos menos variáveis e mais conhecidos quanto às suas composições. Com esse objetivo, pesquisadores do INRA analisaram os efeitos de frações do leite na sobrevivência dos espermatozoides equinos. E atualmente os esforços são no sentido da substituição da gema do ovo por fosfolipídeos arranjados como lipossomos.
Abstract Artificial insemination is a key technology for animal production. The need for preservation of semen for later use is a requirement for progress in this technique. This study objective is to review existing literature on the technology of extenders for equine semen developed at INRA (National Institute of Agronomic Research - France). The technology used today is not far from what was used in the spermatozoa conservation in the1940’s and 50’s. These studies revealed the potential of two main products of animal origin: egg yolks and milk, which could preserve semen through hours or days. Nowadays, what is aimed is the development of a means of freezing equine semen, as safe as possible in its formulation. The studies are focused on eliminating animal products of the extender and in the use of less variable elements with a better known composition. With this objective, the INRA researchers analyzed the effects of milk fractions on equine spermatozoa survival. And efforts are also concentrated on the replacement of egg yolk for phospholipids arranged as liposomes.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/38857
Arquivos Descrição Formato
000791709.pdf (392.2Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.