Repositório Digital

A- A A+

Análise da coordenação do nado borboleta

.

Análise da coordenação do nado borboleta

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Análise da coordenação do nado borboleta
Autor Ribeiro, Aline colombo
Orientador Castro, Flavio Antonio de Souza
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Curso de Educação Física: Bacharelado.
Assunto Cinemática
Natação
[en] Butterfly stroke
[en] Coordination
[en] Kinematics
Resumo O objetivo deste estudo foi comparar a coordenação e a duração relativa das fases de braçada e pernada entre nadadores de diferentes níveis. Participaram 23 indivíduos, de ambos os sexos, divididos em dois grupos: iniciante e avançado. Foi realizado um teste de 100 m no nado borboleta sob máxima velocidade de nado para determinar as velocidades impostas no protocolo experimental. Após, cada participante realizou quatro repetições de 25 m nas seguintes velocidades: 85%, 90%, 100% e 110% da velocidade média do teste de 100 m. Imagens para avaliação e mensuração da coordenação e da duração das fases da braçada e da pernada foram obtidas por meio de videogrametria subaquática, na qual a análise quadro a quadro dos vídeos (60 Hz) foi realizada de forma independente por três avaliadores experientes utilizando o software VirtualDub versão 1.9. Com o incremento da velocidade, independente do nível de desempenho, os atletas apresentaram uma melhor coordenação de nado. Atletas de nível avançado apresentaram uma coordenação de nado melhor que atletas de nível inicante.
Abstract The aim of this study was to evaluate the effects of pace and expertise level on inter-limb coordination, arm and leg stroke phases organization. Participated on this study 23 volunteers divided in two groups according to the expertise level (beginner or advanced level). All subjects performed a 100m butterfly stroke time trial for determining the imposed paces during the experimental protocol which consisted of four 25m trials at 80%, 90%, 100% and 110% of the average velocity in the all-out time trial. All videos were recorded by an underwater video camera (60 Hz) and the determination of inter-limb coordination, arm and leg stroke phases duration consisted of a frame by frame analysis performed by three different evaluators using the VirtualDub 1.9 software. Increasing pace, regardless of the expertise level, athletes presented a higher continuity between arm and leg propulsive actions. Similarly, advanced level swimmers presented a higher coordination between propulsive actions when compared to the beginner group.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/39208
Arquivos Descrição Formato
000825708.pdf (768.7Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.