Repositório Digital

A- A A+

Análise dos critérios de definição da síndrome metabólica em pacientes com diabetes melito tipo 2

.

Análise dos critérios de definição da síndrome metabólica em pacientes com diabetes melito tipo 2

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Análise dos critérios de definição da síndrome metabólica em pacientes com diabetes melito tipo 2
Outro título Analysis of the criteria used for the definition of metabolic syndrome in patients with type 2 diabetes mellitus
Autor Picon, Paula Xavier
Zanatta, Claudete Maria
Gerchman, Fernando
Zelmanovitz, Themis
Gross, Jorge Luiz
Canani, Luis Henrique Santos
Resumo O objetivo deste estudo é comparar em pacientes com diabetes melito tipo 2 (DM2) a proporção de síndrome metabólica de acordo com a definição da Organização Mundial de Saúde (OMS) e a do National Cholesterol Education Program (NCEP), e analisar qual se associa mais à presença das complicações do DM2. Foram avaliados 753 pacientes com DM2 em atendimento ambulatorial, quanto a parâmetros étnicos, antropométricos, laboratoriais e presença das complicações: nefropatia diabética, cardiopatia isquêmica, acidente vascular cerebral, retinopatia diabética e vasculopatia periférica. A resistência insulínica foi estimada através do HOMA-IR. A síndrome metabólica esteve presente em 671 (89%) e 657 (87%) dos pacientes utilizando a definição da OMS e do NCEP, respectivamente. No grupo total, houve uma concordância moderada entre as duas definições (k= 0,54; IC 95% 0,49–0,59), porém foi melhor para negros (k= 0,69; IC 95% 0,6–0,78) do que para brancos (k= 0,54; IC 95% 0,48–0,6) e mulatos (k= 0,26; IC 95% 0,09–0,43). Pacientes com síndrome metabólica pela definição do NCEP apresentaram valores de HOMA-IR maiores que os pacientes sem síndrome metabólica (p= 0,001). Esta diferença não foi encontrada utilizando a definição da OMS (p= 0,152). A proporção das complicações do DM2 foi semelhante nas duas definições. Em conclusão, em relação ao risco de complicações, as duas definições são equivalentes. Entretanto, existe variação na concordância entre as duas definições de acordo com a etnia.
Abstract The aim was to compare in patients with type 2 diabetes mellitus (DM2) the prevalence of the metabolic syndrome according to the World Health Organization (WHO) and the National Cholesterol Education Program (NCEP) definitions, and to analyze the association between them and the complications of DM2. Patients with DM2 (n= 753) were evaluated for ethnics, anthropometrics and laboratory parameters and for the presence of DM2 complications: diabetic nephropathy, coronary artery disease, stroke, diabetic retinopathy and peripheral vascular disease. Insulin resistance was estimated using the HOMA index. Metabolic syndrome was found in 671 (89%) and 657 (87%) patients using the WHO definition and the NCEP definition, respectively. In the total group, there was a moderate agreement between the two definitions (k= 0.54; 95% CI 0.49–0.59), although, it was better for black patients (k= 0.69; 95% CI 0.60–0.78) than white (k= 0.54; 95% CI 0.48–0.6) or mulattos patients (k= 0.26; 95% CI 0.09–0.43). Patients with metabolic syndrome using the NCEP criteria had higher HOMA-IR values compared to those without meta bolic syndrome (p= 0.001). This differentiation was not seen using the WHO definition (p= 0.152). The proportion of diabetic complications was similar for both definitions. In conclusion, regarding the risk of diabetic complications both definitions are equivalent. However, there are some ethnic differences in the agreement between the two definitions.
Contido em Arquivos brasileiros de endocrinologia & metabologia = Brazilian archives of endocrinology and metabolism. São Paulo. Vol. 50, n. 2 (abr. 2006), p. 264-270
Assunto Diabetes mellitus tipo 2
Organização Mundial da Saúde.
Resistência à insulina
[en] Diagnostic criteria
[en] Insulin resistance
[en] Metabolic syndrome
[en] National Cholesterol Education Program Adult Treatment Panel III
[en] Type 2 diabetes mellitus
[en] World Health Organization
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/39635
Arquivos Descrição Formato
000544944.pdf (225.5Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.