Repositório Digital

A- A A+

Ferramentas de gerência de projetos como recurso de aprendizagem

.

Ferramentas de gerência de projetos como recurso de aprendizagem

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Ferramentas de gerência de projetos como recurso de aprendizagem
Autor Schmitt, Marcelo Augusto Rauh
Orientador Tarouco, Liane Margarida Rockenbach
Co-orientador Santarosa, Lucila Maria Costi
Data 2011
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Centro de Estudos Interdisciplinares em Novas Tecnologias da Educação. Programa de Pós-Graduação em Informática na Educação.
Assunto Aprendizagem colaborativa
Objeto de aprendizagem
[en] Collaboration
[en] Coordination
[en] ollaborative learning
[en] Project management tool
Resumo Este trabalho tem por objetivo investigar o uso da tecnologia para apoiar a colaboração com vistas à aprendizagem. Considera-se que a colaboração, à luz da abordagem sociointeracionista de Vygotksy, constitui-se em elemento essencial para que alunos desenvolvam habilidades fundamentais tais como autonomia, capacidade de argumentação, pensamento crítico e reflexão. Para que ocorra colaboração em um grupo de estudantes, é necessário que haja mecanismos de coordenação que organizem este processo. Investigou-se de que forma ferramentas de gerência de projetos, comumente encontradas em softwares utilizados no mundo do trabalho, podem favorecer a coordenação da aprendizagem colaborativa. Foi conduzida uma pesquisa baseada em design, com dois estudos de caso em sala de aula e implementação de solução. Ao longo da investigação, foi definido um modelo de coordenação compatível com os pressupostos teóricos da aprendizagem colaborativa e com os elementos existentes nos gerenciadores de projeto. Os achados da investigação apontam para a conclusão de que é possível fazer uso de gerenciadores de projetos para apoiar aprendizagem colaborativa sob determinadas condições. Concluiu-se que a transposição deste tipo de ferramenta do mundo do trabalho para o contexto educacional exige mudança na forma de utilização. Por esta razão, foi definido um novo modelo de coordenação da colaboração. Ao contrário de grande parte dos pesquisadores que fazem uso de scripts de colaboração pré-determinados, tal modelo baseia-se na participação ativa dos alunos na construção de esquemas de colaboração adequados às mais diversas situações. O primeiro estudo de caso, realizado com um gerenciador de projetos de domínio público, demonstrou a viabilidade da utilização deste tipo de ferramenta sob um novo modelo de coordenação, mas apontou a necessidade de adaptações. Os dados obtidos permitiram o desenvolvimento de um gerenciador de projetos mais adequado ao ambiente educacional. O segundo estudo de caso, realizado com o novo software, permitiu identificar a viabilidade de se utilizarem gerenciadores de projetos para a coordenação da aprendizagem colaborativa, adotando-se um modelo de coordenação que permite a definição de modelos de colaboração adequados a diferentes circunstâncias.
Abstract The present study investigates the usage of technology to support collaboration as a learning activity. Following Vygotsky theories, collaboration is considered essential in the development of student skills like autonomy, reasoning, critical thinking and reflection. Without coordination mechanisms, groups of students do not collaborate. We investigated how project management tools, usually found in corporate environments, could benefit the coordination of collaborative learning. A design-based research, which includes two case studies and software development, was carried out. Throughout the investigation, a coordination model compatible with the theoretical assumptions of collaborative learning and the elements in the existing project managers was defined. The research findings indicated that it is possible to use project management tools in order to support collaborative learning under certain conditions. The migration of such tools from work context to educational context demands a change in its usage. For that reason, a new coordination model was defined. Unlike most of the researchers, who use pre-defined scripts, this model is based on the active participation of students in building collaborative schemes appropriate to different situations. The first case study, conducted with a public domain manager, demonstrated that it is viable to use this type of software under a new paradigm, but pointed some necessary adjustments. The obtained data allowed building a new project manager, more adequate to educational environment. The second case study, carried out with the new software, conclude that it is possible to use project management tools in order to support coordination of collaborative learning, adopting a coordination model which allows the definition of collaboration models that fit different situations.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/40479
Arquivos Descrição Formato
000829181.pdf (2.678Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.