Repositório Digital

A- A A+

EVIDENCIA NEUROQUÍMICA DE QUE A ADMINISTRAÇÃO DE LISINA INDUZ ESTRESSE OXIDATIVO EM ESTRIADO DE RATOS JOVENS

.

EVIDENCIA NEUROQUÍMICA DE QUE A ADMINISTRAÇÃO DE LISINA INDUZ ESTRESSE OXIDATIVO EM ESTRIADO DE RATOS JOVENS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Evento Salão de Iniciação Científica (22. : 2010 out. 18-22 : UFRGS, Porto Alegre, RS).
Título EVIDENCIA NEUROQUÍMICA DE QUE A ADMINISTRAÇÃO DE LISINA INDUZ ESTRESSE OXIDATIVO EM ESTRIADO DE RATOS JOVENS
Autor Rosa, Mateus Struecker da
Orientador Wajner, Moacir
Contido em Salão de Iniciação Científica (22. : 2010 out. 18-22 : Porto Alegre, RS). Livro de resumos. Porto Alegre : UFRGS, 2010.
Sessão Estresse oxidativo a
Temática Estresse oxidativo
Assunto Ciências biológicas
Biociências
Tipo Resumo publicado em evento
URI http://hdl.handle.net/10183/45414
Arquivos Descrição Formato
Resumo_5388.pdf (7.263Kb) Resumo Adobe PDF Visualizar/abrir
Poster_5388.jpg (1.022Mb) Pôster JPEG Thumbnail

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.