Repositório Digital

A- A A+

A formação dos educadores sociais de esporte e lazer no Programa Esporte e Lazer da Cidade (PELC) em Porto Alegre

.

A formação dos educadores sociais de esporte e lazer no Programa Esporte e Lazer da Cidade (PELC) em Porto Alegre

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título A formação dos educadores sociais de esporte e lazer no Programa Esporte e Lazer da Cidade (PELC) em Porto Alegre
Autor Tondin, Gilmar
Orientador Molina Neto, Vicente
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Escola de Educação Física. Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano.
Assunto Esporte
Lazer
Políticas públicas
Sociologia do esporte
[en] Community relationship
[en] Leisure and recreational sport
[en] Public policy for sport and leisure
[en] Training school-not
[es] No a la escuela de formación
[es] Ocio y deporte recreativo
[es] Políticas públicas para el deporte y ocio
[es] Relación de la comunidad
Resumo Esta dissertação trata da formação dos Educadores Sociais de Esporte e Lazer do Programa Esporte e Lazer da Cidade (PELC) ocorrido em Porto Alegre. Este programa constitui-se em uma ação da política pública de esporte e lazer do governo federal. O estudo buscou compreender os impactos e significados atribuídos às formações por estes educadores que atuam em comunidades localizadas nas periferias da cidade. Procurou-se identificar em que medida as formações contribuíram para a prática pedagógica do educador social de esporte e lazer. A partir destas premissas formulou-se o seguinte problema de pesquisa: De que modo os Educadores Sociais de Esporte e Lazer relacionam a formação do Programa Esporte e Lazer da Cidade e a prática pedagógica que realizam nas comunidades? Quais os limites e potencialidades dessa relação? Foi utilizado como instrumentos de coleta de informações no trabalho de campo a entrevista semiestruturada, o diário de campo e a análise documental. A partir da análise das informações construíram-se as seguintes categorias: a formação no programa esporte e lazer da cidade; o lazer e o esporte no programa esporte e lazer da cidade; a prática pedagógica; a comunidade; e, a gestão local do programa. Na sequência discutem-se as categorias a partir das falas tanto do grupo dos educadores sociais do programa, como o dos gestores e formadores, contemplando esses distintos olhares. Foi possível identificar consenso entre os grupos, como o curto período de duração do programa, considerado insuficiente para a consolidação desta política pública. Também foi possível perceber discordâncias entre os grupos. O tempo do gestor e o tempo do educador para respostas e anseios da formação são distintos. Enquanto um procura elementos para a reflexão, o outro deseja sugestões para auxiliá-lo na ação. Para o grupo de educadores, as metodologias para desenvolver o trabalho no seu dia a dia tem mais significado que as discussões conceituais e teóricas. O sistema de formação e o trabalho junto às comunidades foram considerados elementos de destaque no programa. Os fatores de mobilização para o envolvimento dos educadores no programa esporte e lazer da cidade foram: a possibilidade de novas aprendizagens; adquirir experiências por estarem em início de carreira profissional; e, o interesse em se envolver em trabalhos sociais. Este estudo permitiu identificar a necessidade de estruturar uma formação diferenciada daquela em ambiente escolar para o educador social de esporte e lazer. Considerase importante compreender que este sujeito atua em espaços físicos ressignificados para a prática do lazer e em um ambiente educativo não escolar, mas nem por isso distanciado de um processo de desenvolvimento de cidadania dos sujeitos.
Abstract This dissertation deals with the training of social educators of sport and leisure program for sport and leisure of the city occurred in Porto Alegre. This program is a public policy action on sport and leisure of the federal Government. The study sought to understand the impacts and meanings assigned to these educators who work in communities located in the outskirts of the city. I have tried to identify to what extent the training contributed to the pedagogical practice of social educator of sport and leisure. From these assumptions I made the following: search problem As Social educators of sport and leisure related training PELC and the pedagogical practice that perform in communities? What are the limits and potential of this relationship? Used as information-gathering instruments in the field work interview semiestruturada, the field journal and documentary analysis. From the analysis of information construct the following categories: training in sport and leisure of the city; Leisure and sport in sport and leisure of the city; the pedagogical practice; the community; and, the local management of the program. Present and discuss the categories from the speeches of both the Group of social educators, such as the program managers and trainers, contemplating these distinct looks. Unable to identify consensus among groups, such as the short duration of the program, considered insufficient for the consolidation of this public policy. It was also possible to realize dichotomies between the groups. The Manager's time and the time of the educator to responses and yearnings of formation are distinct. While a search elements for reflection in the other want suggestions to assist you in action. For the Group of educators, methodologies to develop the work in their day to day has more meaning as conceptual and theoretical discussions. The system of training and work communities were considered prominent elements in the program. The factors of mobilization for the involvement of educators in sport and leisure of the city were: the possibility of new apprenticeships; acquire experiences by being in early professional career; and, the interest in getting involved in social work. This study identified the need to structure a differentiated formation from those in the school environment for the social educator of sport and leisure. It is necessary to consider this subject plays in physical spaces to practice ressignificados and leisure in an educational environment not at school, but not so distanced from the development process of citizenship of the subject.
Resumen Esta tesis se ocupa de la formación de educadores sociales del deporte y programa de ocio, deporte y ocio de la ciudad se produjo en Porto Alegre. Este programa es una acción de política pública sobre el deporte y ocio del Gobierno federal. El estudio trató de entender el impacto y la entiende estos educadores que trabajan en comunidades ubicadas en las afueras de la ciudad. He intentado identificar en qué medida la formación ha contribuido a la práctica pedagógica de la educadora social del deporte y ocio. ¿Desde estos supuestos hice los siguientes: buscar los educadores como Social problema del deporte y ocio relacionadas con la formación PELC y la práctica pedagógica que realizan en las comunidades? ¿Cuáles son los límites y el potencial de esta relación? Utilizados como instrumentos de recopilación de información en el trabajo de campo entrevista semiestruturada, el diario de campo y análisis documental. El análisis de información de construir las siguientes categorías: capacitación en deporte y ocio de la ciudad; Ocio y el deporte en el deporte y ocio de la ciudad; la práctica pedagógica; la comunidad; y la gestión local del programa. Presentar y discutir las categorías de los discursos del grupo de los educadores sociales, tales como los entrenadores, contemplando estas distintas miradas y los directores de programa. No se ha podido identificar un consenso entre los grupos, como la corta duración del programa, considerado insuficiente para la consolidación de esta política pública. También fue posible realizar dicotomías entre los grupos. Tiempo del administrador y el tiempo del educador respuestas y anhelos de formación son distintos. Mientras un elementos de búsqueda para la reflexión en el otro quieren sugerencias que le ayudarán a la acción. El grupo de educadores, metodologías para desarrollar el trabajo en su día a día tiene más significado como debates conceptuales y teóricos. El sistema de formación y las comunidades de trabajo se consideraron elementos destacados en el programa. Los factores de movilización para la participación de educadores en el deporte y ocio de la ciudad fueron: la posibilidad de nuevos aprendizajes; adquirir experiencias por estar en carrera profesional; y el interés en involucrarse en el trabajo social. Este estudio identificó la necesidad de estructurar una formación diferenciada de aquellas en el entorno escolar para el educador social del deporte y ocio. Es necesario tener en cuenta que este asunto juega en espacios físicos para prácticas ressignificados y ocio en un entorno educativo no en la escuela, pero no tan distanciada desde el proceso de desarrollo de la ciudadanía sobre el tema.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/48909
Arquivos Descrição Formato
000828097.pdf (2.977Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.