Repositório Digital

A- A A+

Formação de professoras na educação a distância : tempos reconstruídos

.

Formação de professoras na educação a distância : tempos reconstruídos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Formação de professoras na educação a distância : tempos reconstruídos
Autor Manfredini, Roberta Lusa
Orientador Carvalho, Marie Jane Soares
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Formação
Gênero
Professor
Temporalidade
[en] Gender
[en] Teacher education
[en] Uses of time
Resumo A distribuição dos usos do tempo de mulheres professoras e estudantes em curso de graduação exige um processo de acomodação das atividades diárias.O presente estudo procura compreender como o tempo de estudos está inserido na vida das alunas-professoras de um curso a distância. Para compreender qual é esse lugar estudaram-se os conceitos de tempo e gênero e seu entrelaçamento. Entende-se que nossa noção de tempo é construída ao longo dos anos e não é natural para o indivíduo. O gênero é compreendido como uma relação de poder entre os sexos. O lugar que homens e mulheres ocupam é socialmente construído e o emprego dos tempos diários está intimamente ligado a essa relação. Os dados foram coletados através da pesquisa de usos do tempo com a aplicação de diários. Para a tabulação usou-se o SPSS, onde os eventos e suas durações foram registrados. Além do tempo de estudos foram elencadas as atividades em que as alunas-professoras dedicam mais tempo. São elas: o tempo de cuidados pessoais, de trabalho remunerado e de cuidados com a casa e família. Observou-se que as alunas-professoras que dedicam mais tempo aos estudos diminuem seus tempos de cuidados pessoais e de atividades sociais e de lazer. O tempo dedicado aos cuidados com a casa e a família mantém-se estável. A manutenção do lar é uma prerrogativa social para as mulheres. Os conceitos de tempo e gênero se entrelaçam nas tomadas de decisões e ações dessas alunas-professoras. As temporalidades são reconstruídas para que elas se dediquem a sua formação.
Abstract The time distribution of female teachers and students at the graduate level requires a process of accommodation of activities of daily living. This study seeks to understand how time studies are integrated into the life of the students-teachers of a distance learning course. To understand this we studied the concepts of time and gender and its relationship. It is understood that the notion of time is built over the years and is not natural to the individual. Gender is understood as a relationship of power between the sexes. The place occupied by men and women is socially constructed and the use of daily time is closely connected to this relation. Data were collected through the survey of the uses of time with the implementation of diaries. For the tabulation, it was used the ˜SPSS˜, where the events and their durations were recorded. Apart from the time of study, the activities were listed in which student teachers spend more time. They are: personal care time, paid work and care for the house and family. It was observed that the students-teachers who devote more time to study lower their times of personal care and social and leisure activities. The time devoted to caring for the home and family is stable. The home maintenance is a social obligation for women. The concepts of time and gender intertwine in decision-making and actions of these students-teachers. The time frames are reconstructed so that they engage in their studies.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/49037
Arquivos Descrição Formato
000826575.pdf (1.053Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.