Repositório Digital

A- A A+

Exposição à violência e comportamento suicida em adolescentes de diferentes contextos

.

Exposição à violência e comportamento suicida em adolescentes de diferentes contextos

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Exposição à violência e comportamento suicida em adolescentes de diferentes contextos
Autor Braga, Luiza de Lima
Orientador Dell'Aglio, Debora Dalbosco
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Curso de Pós-Graduação em Psicologia.
Assunto Adolescente
Medidas socioeducativas
Suicídio
Violência doméstica
Resumo Este estudo investigou a exposição à violência intrafamiliar e extrafamiliar e comportamento suicida em 946 adolescentes com idades entre 12 e 19 anos (M=15,42; SD=1,67) que pertenciam a três diferentes contextos: G1 foi constituído por adolescentes que moravam com suas famílias (n=691); G2 por adolescentes que cumpriam medidas socioeducativas (n=142); e G3 por adolescentes que estavam sob proteção em instituições de acolhimento (n=113). Foi utilizado o Questionário da Juventude Brasileira, instrumento que inclui questões sobre violência intra e extrafamiliar e sobre comportamento suicida. Foram realizados um estudo teórico, sobre suicídio na adolescência enfocando questões de gênero e depressão, e dois empíricos. O primeiro estudo empírico investigou a frequência e o impacto da exposição a diferentes tipos de violência no ambiente intra e extrafamiliar, bem como os principais autores de violência. Foi verificado que os adolescentes de G3 apresentaram maior frequência de exposição à violência no ambiente intrafamiliar, enquanto os adolescentes de G2 estiveram mais expostos à violência extrafamiliar. No último estudo, buscou-se identificar um modelo de preditores para a ideação e tentativas de suicídio, através de uma análise de regressão logística. O modelo preditivo para o comportamento suicida englobou as variáveis sexo feminino, exposição à violência intra e extrafamiliar, eventos estressores e uso de drogas. Maior satisfação com a escola esteve associada com menor frequência de ideação suicida. Também foi verificado que o grupo de adolescentes em situação de acolhimento institucional apresentou frequências maiores de ideação e tentativa de suicídio. A importância de prevenir a exposição dos jovens à violência é destacada, bem como a necessidade de promover intervenções com os adolescentes em acolhimento institucional, já que este grupo mostrou-se, de maneira geral, mais vulnerável.
Abstract The present study verified the exposure to intrafamilial and extrafamilial violence and suicidal behavior on 946 adolescents with ages ranging from 12 to 19 years old (M=15,42; SD=1,67) who were from three different contexts: The group 1 (G1) was composed by 691 adolescents living with their families; group 2 (G2) by 142 adolescents in socioeducative measure; and group 3 (G3) by 113 adolescents living in shelters. They completed the Brasilian Youth Questionnaire, instrument with questions about violence and suicidal behavior. A theoretical study about adolescent suicide was realized, focusing in questions about gender and depression. In addition, two empirical studies were developed. The first one examined the frequency and impact of the exposure to different types of intra and extrafamilial violence, as well as the main authors of violence. Findings indicated that adolescents of G3 showed higher levels of exposure to intrafamilial violence and adolescents of G2 were more exposured to extrafamilial violence. The last study aimed at identifying a model of predictors of suicidal ideation and attempt through the regression logistic analysis. The predictive model to suicidal behavior included the variables female gender, exposure to violence, stressful events and drug use. High levels of school satisfaction were related to lowers levels of suicidal ideation. The importance of preventing the adolescents exposure to violence is highlighted, as well as promoting interventions with adolescents who lives in shelters because this group seems to be, in general, most vulnerable.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/49283
Arquivos Descrição Formato
000836293.pdf (607.6Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.