Repositório Digital

A- A A+

O jogo discursivo da inclusão : práticas avaliativas de in/exclusão na matemática escolar

.

O jogo discursivo da inclusão : práticas avaliativas de in/exclusão na matemática escolar

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O jogo discursivo da inclusão : práticas avaliativas de in/exclusão na matemática escolar
Autor Eidelwein, Monica Pagel
Orientador López Bello, Samuel Edmundo
Data 2012
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Educação. Programa de Pós-Graduação em Educação.
Assunto Avaliação
Avaliação do ensino
Desempenho
Inclusão escolar
Matemática
Novo Hamburgo (RS)
Professor
[en] Discursive games
[en] Evaluation
[en] Inclusion
[en] Mathematics
Resumo Esta tese tem por objetivo analisar as práticas avaliativas dos professores que ensinam Matemática, na tentativa de entender as regras constitutivas do jogo discursivo da inclusão em funcionamento nessas práticas. Para tanto, realizo uma pesquisa de inspiração foucaultiana, utilizando ferramentas analíticas como norma/normalização, governamentalidade e inclusão e exclusão – in/exclusão. Proponho-me como problema de pesquisa o seguinte questionamento: de que maneira o jogo discursivo da inclusão constitui as práticas avaliativas escolares dos professores que ensinam Matemática? Minha investigação é realizada na Secretaria Municipal de Educação e Desporto de Novo Hamburgo/Rio Grande do Sul e em uma escola municipal vinculada a ela. De acordo com a representante da Secretaria, a escola apresenta uma proposta de educação inclusiva e tem dificuldades na avaliação em Matemática. No percurso da investigação, examinei documentos da Secretaria que datam de 1988 a 2008, analisando as enunciações e procurando conhecer os saberes do jogo discursivo da inclusão. Direcionei-me também à mencionada escola municipal, onde analisei documentos, realizei entrevista com a equipe diretiva e com cinco professores que ensinam Matemática e observei práticas relacionadas à avaliação – em sala de aula, nos Conselhos de Classe e na sala da coordenação pedagógica. Constituí quatro unidades analíticas: 1) Práticas de individualização e diferenciação; 2) A avaliação como técnica de governo em funcionamento; 3) A avaliação escolar na matemática: quando o aluno não é apenas um sujeito de conhecimento; e 4) A terceirização pedagógica. Nestas, observam-se as regras dos jogos discursivos da inclusão em funcionamento nas práticas avaliativas dos professores que ensinam Matemática. Tais práticas avaliativas, a partir dos jogos discursivos da inclusão, utilizam-se de técnicas disciplinares e mecanismos reguladores que visam a aproximar os sujeitos dos diferentes gradientes de normalidade. Ao incidirem sobre os sujeitos individuais, impactam no gerenciamento da sociedade como um todo, funcionando como forma de governamento da população dentro da racionalidade política de uma época, a racionalidade política neoliberal.
Abstract This thesis aims at analyzing Mathematics teachers’ evaluation practices, in an attempt to understand the constitutive rules of discursive game of inclusion working in these practices. To do so, I made a research inspired by Foucault, using analytical tools such as norm/normalization, governmentality and inclusion and exclusion - in /exclusion. I propose the following question as research problem: how does the discursive game of inclusion constitute Mathematics teachers’ school evaluation practices? The research was carried out at the Municipal Department of Education and Sports of Novo Hamburgo/Rio Grande do Sul (MDES/NH) and also in a municipal school linked to it. According to its representative, the school has an inclusive education plan and has difficulties in Mathematics evaluation. Along the investigation, I examined the Department files, dated from 1988 to 2008, analyzing the enunciations and trying to discover the knowledges of the discursive game of inclusion. I also turned to the municipal school studied, where I analyzed files, interviewed the directive team and five Mathematics teachers, and observed practices related to evaluation – at the classroom, in the Class Council meeting and at the pedagogical coordination room. I have built four analytical units: 1) Individualization and differentiation practices; 2) Evaluation as governance technique in progress; 3) Mathematics evaluation in the school: when the student isn´t only a subject of knowledge; and 4) The pedagogical outsourcing. In these analytical units, one can notice the rules of the discursive game of inclusion working in the Mathematics teachers’ evaluation practices. Such evaluation practices, from the discursive games of inclusion, use disciplinary techniques and regulatory mechanisms that aim at approximating the subjects to the different degrees of normality. On reaching individual subjects, impact the management of the society as a whole, working as a form of governance of the population, inside the political rationality of an age, the neoliberal political rationality.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/49408
Arquivos Descrição Formato
000836461.pdf (1.031Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.