Repositório Digital

A- A A+

Fatores associados ao uso de medicamentos durante a gestação em seis cidades brasileiras

.

Fatores associados ao uso de medicamentos durante a gestação em seis cidades brasileiras

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Fatores associados ao uso de medicamentos durante a gestação em seis cidades brasileiras
Outro título Factors related to use of medication during pregnancy in six Brazilian cities
Autor Mengue, Sotero Serrate
Duncan, Bruce Bartholow
Schenkel, Eloir Paulo
Schmidt, Maria Inês
Resumo O objetivo deste estudo foi comparar o uso de medicamentos durante a gravidez, segundo variáveis sóciodemográficas, em gestantes que fizeram o pré-natal em serviços do SUS em seis grandes cidades brasileiras. Utilizando-se um questionário estruturado, foram entrevistadas 5.564 gestantes que se apresentaram para consulta em serviço de pré-natal do SUS, participantes do Estudo Brasileiro de Diabetes Gestacional, entre 1991 e 1995. O uso de qualquer medicamento mostrou uma associação positiva com o aumento da escolaridade, da idade e com o fato de ter companheiro, e uma associação negativa com maior número de filhos. O uso de medicamentos multivitamínicos e medicamentos que atuam sobre o aparelho digestivo mostrou aumento da associação com maior escolaridade e idade e uma associação negativa com o aumento do número de filhos. O uso de medicamentos antianêmicos mostrou uma associação negativa com o aumento da escolaridade e com o aumento da idade. O uso de multivitamínicos e medicamentos que atuam sobre o aparelho digestivo mostrou uma associação com variáveis que caracterizam gestantes de melhor nível sócio-econômico, sugerindo que o uso de medicamentos é uma expressão de cuidado com a gestação.
Abstract This report aims to compare the use of medication during pregnancy in Brazil according to socio- demographic variables in pregnant women who received prenatal care in Unified National Health System (SUS) facilities in six large cities. A structured questionnaire was applied to 5,564 pregnant women who attended prenatal care at SUS facilities, all of whom were participants in the Brazilian Study on Gestational Diabetes (1991-1995). The use of any type of medication presented a positive association with increases in schooling, age, and having a partner, and a negative association with an increase in the number of children.Multivitamin and digestive tract-related drug use showed a positive association with increased schooling and age and a negative association with increased number of children. The use of medication for anemia was negatively associated with increases in schooling and age. Use of multivitamins and GI drugs was associated with variables that characterize pregnant women with higher socioeconomic status, suggesting that medication during pregnancy is an expression of prenatal care.
Contido em Cadernos de saúde pública. Rio de Janeiro. Vol. 20, n. 6 (nov./dez. 2004), p. 1602-1608
Assunto Gravidez
Medicamentos : Uso
Preparações farmacêuticas
[en] Drug utilization
[en] Pharmacoepidemiology
[en] Pregnancy
[en] Vitamins
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/49513
Arquivos Descrição Formato
000505828.pdf (65.33Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.