Repositório Digital

A- A A+

Caracterização anatômica e relações estratigráficas da lignoflora triássica da Região de São Pedro Do Sul, RS

.

Caracterização anatômica e relações estratigráficas da lignoflora triássica da Região de São Pedro Do Sul, RS

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Caracterização anatômica e relações estratigráficas da lignoflora triássica da Região de São Pedro Do Sul, RS
Autor Bardola, Tatiana Pastro
Orientador Guerra-Sommer, Margot
Schultz, Cesar Leandro
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Geociências. Curso de Geologia.
Assunto Estratigrafia
São Pedro Do Sul, Região de (RS)
[en] Bacia do Paraná
[en] Lignoflora
[en] Triássico.
Resumo O projeto temático aqui apresentado integrou diferentes metodologias para testar a possibilidade de correlação estratigráfica entre dois afloramentos fossilíferos triássicos (Chiniquá e Água Boa) na região de São Pedro do Sul (Rio Grande do Sul, Brasil) que se caracterizam pela abundância de lenhos silicificados. Essa fitoflora é relacionada ao Arenito Mata, segundo a litoestratigrafia, e ao topo da Seqüência Santa Maria 2 ou a base da Seqüência Santa Maria 3, ambas pertencentes à Supersequência Santa Maria, segundo a estratigrafia de seqüências. Esse posicionamento incerto deve-se a falta de continuidade entre afloramentos, devido à cobertura vegetal e as falhas que movimentaram os blocos. A utilização de análises paleobotânicas taxonômicas permitiu caracterizar distintos padrões de composição florística, relacionada à deposição em sítios diversificados em um grande ambiente fluvial. Em Chiniquá a lignoflora monotípica é representada apenas por ginkgófitas, e em Água Boa ocorrendo as mesmas ginkgófitas lado a lado com coníferas, portanto caracterizando uma associação heterotípica. A confecção de perfis de superfície em Chiniquá denotou a ausência dos lenhos dentro do pacote sedimentar, estando todos rolados sobre o terreno, ou cobertos por solo, o que inviabilizou as correlações entre os dois afloramentos escolhidos inicialmente para este estudo. Escolhido novo ponto, o afloramento Piscina devido à preservação do pacote que contém lignoflora, a aplicação da técnica baseada em ondas eletromagnéticas (GPR) comprovou a viabilidade parcial dessa metodologia na verificação da continuidade lateral, em subsuperfície, de níveis com lenhos. A aplicação dessa técnica associada a resultados obtidos de perfis de superfície, subsuperfície e análises paleobotânicas dos lenhos fósseis fornecerá importantes subsídios à correlação de camadas contendo lenhos fósseis. Todavia, há a necessidade de confirmação da funcionalidade desta técnica em outros afloramentos que possuem preservada a camada sedimentar que contém os lignofósseis.
Abstract This study integrate different methodologies to test the stratigraphic correlation between two Triassic outcrops (Chiniquá and Água Boa) in the region of São Pedro do Sul (Rio Grande do Sul State, Brazil) which are characterized by the presence of abundant fragments of silicifided woods. The lignoflora has been correlated to the Mata Sandstone, according to litostratigraphic parameters, and to top of Santa Maria Sequence 2 or to bottom of Santa Maria Sequence 3, both included in the Santa Maria Supersequence, according to sequence stratigraphic analyses. The lack of continuity between outcrops, owing to vegetal covering and the presence of regional faults were factor that have impeded secure correlations Paleobotanical analysis allowed to the identification of different floristic patterns in each outcrop, probably originated from plant associations adapted to distinct niches in fluvial paleoenvironments. In Chiniquá a monotypic lignoflora is represented only by ginkgophytes, whereas in Água Boa ginkgophytes were complementary forms in an heterotypic plant association dominated by conifers. The elaboration of a surface profile in Chiniquá evidenced that wood fragments were dispersed on surface or included in soils and were absent in the sedimentary package. This evidence has impeded lithological correlations between Chiniquá and Água Boa outcrops, previously selected for the study. Taking into account that analyses based on electromagnetic waves (GPR) were not successfully applied in both Chiniquá and Água Boa outcrops , it was choosed the Piscina outcrop, which lies in the surroundings of Sao Pedro do Sul, included in the Santa Maria 3 sequence, were the sedimentary layer containing wood is clearly preserved. The results have confirmed the viability of this technique, with the main goal of to verify, in subsurface, the lateral continuity of layers containing fossil woods. Nevertheless, electromagnetic waves (GPR) analyses in different outcrops which have preserved the sedimentary layer with fossil woods must be developed in order to ratify its functionality, associated to lithological and palaeobotanical analyses.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/49679
Arquivos Descrição Formato
000837943.pdf (2.969Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.