Repositório Digital

A- A A+

Fatores alimentares envolvidos no desenvolvimento de metaplasia intestinal em dispépticos funcionais

.

Fatores alimentares envolvidos no desenvolvimento de metaplasia intestinal em dispépticos funcionais

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Fatores alimentares envolvidos no desenvolvimento de metaplasia intestinal em dispépticos funcionais
Autor Taborda, Aline Gamarra
Orientador Prolla, João Carlos
Co-orientador Mazzoleni, Luiz Edmundo
Data 2011
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Medicina. Programa de Pós-Graduação em Ciências em Gastroenterologia e Hepatologia.
Assunto Dispepsia
Estômago
Hábitos alimentares
Lesões pré-cancerosas
Metaplasia
[en] Dietary habits
[en] Functional dyspepsia
[en] Gastric intestinal metaplasia
Resumo Introdução: A metaplasia intestinal (MI) do estômago é uma lesão onde ocorre a metaplasia das células epiteliais gástricas para um fenótipo intestinal. A MI gástrica é considerada uma lesão preneoplásica associada a um aumento do risco de desenvolvimento de carcinoma gástrico. Estudos epidemiológicos indicam uma relação entre hábitos alimentares e o risco de desenvolvimento de câncer de estômago: tanto podendo ter um efeito carcinogênico gástrico, como um fator protetor, sugerindo que os antioxidantes como as vitaminas A, C e E, diminuem o risco desse tipo de câncer Material e métodos: Trata-se de um estudo caso-controle, observacional, para o qual foram avaliados 320 pacientes portadores de dispepsia funcional, que separados em dois grupos, um grupo de casos I (indivíduos com metaplasia intestinal) tiveram seus hábitos alimentares comparado aos do grupo de casos controle (sem metaplasia intestinal), através de um questionário de frequência de consumo alimentar (QFCA). Resultados: Ao analisarmos o padrão alimentar dos pacientes dispépticos funcionais portadores de metaplasia intestinal e compará-lo com o padrão daqueles que não possuem MI constatou-se que os pacientes portadores de MI consomem mais alimentos como os enlatados e defumados, enquanto que os pacientes sem metaplasia intestinal apresentam um consumo expressivamente maior de frutas em geral e vegetais. Diferença no padrão de consumo de sal não foi identificada. Conclusões: Através dos resultados obtidos no presente estudo podemos supor que a modificação da dieta, por meio de uma diminuição na ingestão de alimentos como defumados e enlatados e um acréscimo na ingestão de frutas e vegetais, pode levar a uma diminuição de casos de metaplasia intestinal.
Abstract Introduction: Intestinal metaplasia (IM) of the stomach is a lesion in which metaplasia of gastric epithelial cells occurs for an intestinal phenotype. Gastric IM is considered a preneoplastic lesion associated with an increase in the risk of gastric carcinoma development. Epidemiologic studies indicate a relation between dietary habits and stomach cancer development, some habits increasing the risk for it, and others have a protective effect, suggesting that antioxidants, such as vitamins A, C, and E, decrease the risk of this type of cancer. Materials and methods: It is a case-control, observational study in which 320 patients with functional dyspepsia, divided in two groups, were assessed. The case I group (individuals with intestinal metaplasia) had their dietary pattern compared to that of the control group, constituted of individuals similar to those in the case group but without intestinal metaplasia, through a food frequency questionnaire (FFQ). Results: The analysis of the dietary pattern of functional dyspeptic patients with intestinal metaplasia, and its comparison with those without IM, showed a higher frequency of canned and smoked foods consumption in the first group, and, on the other hand, a higher consumption of fruits and vegetables in patients without IM. No effect of salt consumption was detected. Conclusions: The results obtained in this study suggest changes in the diet, with a decrease in the consumption of smoked and canned foods, and an increase in the consumption of fruits and vegetables, can lead to a diminution of intestinal metaplasia cases.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/52954
Arquivos Descrição Formato
000851052.pdf (1.610Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.