Repositório Digital

A- A A+

Fatores associados à Infecção pelo vírus da diarreia viral bovina e pelo Herpesvírus Bovino tipo 1 em rebanhos leiteiros da Mesorregião Centro-Oriental do Rio Grande do Sul

.

Fatores associados à Infecção pelo vírus da diarreia viral bovina e pelo Herpesvírus Bovino tipo 1 em rebanhos leiteiros da Mesorregião Centro-Oriental do Rio Grande do Sul

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Fatores associados à Infecção pelo vírus da diarreia viral bovina e pelo Herpesvírus Bovino tipo 1 em rebanhos leiteiros da Mesorregião Centro-Oriental do Rio Grande do Sul
Autor Miranda, Igor Cesar Santos de
Orientador Corbellini, Luis Gustavo
Data 2012
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Veterinária. Programa de Pós-Graduação em Ciências Veterinárias.
Assunto Bovinos de leite
Fatores de risco
Herpesvirus bovino tipo 1 bhc-1
Vírus da diarréia viral bovina
[en] BOHV-1
[en] Bulk tank milk
[en] BVDV
[en] Prevalence
[en] Risk factors
Resumo A bovinocultura de leite é importante para o abastecimento do mercado interno brasileiro, tendo o Estado do Rio Grande do Sul como o segundo maior produtor. Doenças virais ocasionam diversos prejuízos na cadeia de produção bovina. Com o objetivo de manter e aprimorar o nível de produção, torna-se importante estabelecer programas sanitários que permitam o controle de doenças que possam resultar em grandes perdas econômicas. Para o sucesso de tais programas, é importante levar em consideração o conhecimento da epidemiologia da doença em conjunto com técnicas laboratoriais adequadas, além de buscar fatores associados à permanência do vírus no rebanho Os objetivos desse estudo foram o de avaliar a prevalência e fatores de risco do vírus da diarreia viral bovina (BVDV) e herpervirus bovino tipo 1 (BoHV-1) em rebanhos leiteiros não vacinados de uma cooperativa de produtores de leite no Estado do Rio Grande do Sul, Brasil. Amostras de tanques de leite de 281 rebanhos leiteiros selecionados de forma aleatória simples foram testados para anticorpos contra o BVDV utilizando um kit comercial de ELISA e contra glicoproteína B do BoHV-1 através de um kit comercial de ELISA de bloqueio. Em cada propriedade avaliada, aplicou-se um questionário epidemiológico para investigar os fatores de risco para estas doenças. Uma prevalência de rebanho de 42,70% (120/281; IC 95%: 36% - 48%) para infecção pelo BVDV e de 27,88% (75/269; IC 95%: 22% - 33%) para infecção pelo BoHV-1 foram encontradas na população estudada. Dentre os fatores de risco avaliados, a utilização de inseminação artificial foi considerado como fator de risco para infecção pelo vírus da diarreia viral bovina e possuir suínos na propriedade foi considerado como fator de proteção para infecção pelo herpesvirus bovino tipo 1. O presente estudo identificou 10,3% de rebanhos com infecção ativa de BVDV e uma prevalência moderada para ambas as doenças em uma população de pequenos rebanhos leiteiros criados em sistemas semi-intensivos de produção que não utilizam medidas específicas de controle de infecção.
Abstract The dairy cattle is important to supply the Brazilian market, with the state of Rio Grande do Sul as the second largest producer. Viral diseases cause several damages in the bovine production. In order to maintain and improve the level of production, it becomes important to establish health programs that allow the control of diseases that can result in large economic losses. For the success of such programs, it is important to take into account the knowledge of the epidemiology of the disease in conjunction with appropriate laboratory techniques, and risk factors associated with persistence of the virus in the herd. The objectives of this study were to assess the prevalence and risk factors for the bovine viral diarrhea virus (BVDV) and bovine herpesvirus type 1 (BoHV-1) in unvaccinated dairy herds of a cooperative of milk producers in the state of Rio Grande do Sul, Brazil. Bulk tank milk samples from 281 dairy herds selected by simple random sampling were tested for BVDV antibodies using a commercial ELISA kit and against the glycoprotein B of BoHV-1 using a commercial ELISA kit of blocking. In each assessed property, we applied an epidemiological questionnaire to investigate risk factors for these diseases. A herd prevalence of 42.70% (120/281, 95% CI: 36% - 48%) for BVDV infection and 27.88% (75/269, 95% CI: 22% - 33%) for BoHV-1 were observed in the studied population. Among the risk factors evaluated, the use of artificial insemination was considered as a risk factor for infection with bovine viral diarrhea virus and pigs on the property have been considered as a protective factor for infection by bovine herpesvirus type 1. The present study identified 10.3% of herds with active BVDV infection and a moderate prevalence for both diseases in a population of small dairy herds reared in semi-intensive systems of production which do not use specific measures to control infection.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/53117
Arquivos Descrição Formato
000852917.pdf (1.323Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.