Repositório Digital

A- A A+

Soroepidemiologia da varicela no Brasil : resultados de um estudo prospectivo transversal

.

Soroepidemiologia da varicela no Brasil : resultados de um estudo prospectivo transversal

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Soroepidemiologia da varicela no Brasil : resultados de um estudo prospectivo transversal
Outro título Soroepidemiology of Varicella in Brazil : results of a prospective, cross-sectional study
Autor Azevedo, Tania
Fonseca, Jose Carlos Fernaz da
Silva, Anamaria Cavalcante
Silveira, Themis Reverbel da
Clemens, Ralf
Resumo Objetivos: A varicela tem conseqüências mais graves em adolescentes e adultos. Recentes relatos da Europa e da Ásia mostram um número crescente de adolescentes e adultos jovens soronegativos. Como são poucos os dados sobre a prevalência de anti-VZV no Brasil e com o objetivo de definir estratégias para a imunização contra a varicela, realizamos um estudo de soropreval ência para o VZV (vírus varicela zoster) em diferentes partes do Brasil. Métodos: Este estudo soroepidemiológico, transversal e populacional foi realizado em quatro diferentes regiões do Brasil. A população estudada foi estratificada por sexo, idade e situação socioeconômica. Anticorpos Ig G, anti-VZV foram analisados pelo método ELISA. Resultados: Foram incluídos no estudo 3.879 indivíduos de 1 a 40 anos. A taxa de soropositividade do anti-VZV em todos os grupos etários e centros no Brasil foi de 85,4 %. Evidenciou-se uma forte correlação com a idade. Especialmente no Sudeste e Sul, a soroprevalência foi menor no grupo etário de 1-5 anos (44,5% e 57,8%, respectivamente). Na região Norte esta taxa foi de 88,9%. No geral, a infecção pelo VZV foi independente do nível socioecon ômico, entretanto nos grupos etários jovens (1-10 anos) a soropreval ência foi significativamente menor nas classes alta/média, na maioria das regiões. A história clínica de varicela se correlacionou com a soropositividade anti-VZV, tendo um valor preditivo de 95,1%. Conclusões: Na pré-adolescência, uma proporção substancial da população brasileira é susceptível à varicela e uma parcela considerável de adolescentes e adultos jovens permanecem soronegativos e, conseqüentemente, em risco.
Abstract Objectives: Varicella has more serious consequences in adolescents and adults. Recent reports from Europe and Asia show an increasing number of adolescents and young adults being seronegative. As there is only limited data on varicella zoster virus (VZV) seroprevalence in Brazil and to facilitate the strategy for varicella vaccination we conducted a VZV seroprevalence study in Brazil. Methods: This population-based, cross sectional seroepidemiology study was performed in 4 different regions of Brazil. The studied population was stratified according to gender, age and socioeconomic status. VZV IgG antibodies were analyzed by ELISA. Results: 3,879 subjects aged 1.40 years were included into the study. The overall anti-VZV seropositivity rate across all age groups and centers in Brazil was 85.4%. There was a strong age relationship. Especially in the South East and South seroprevalence was low in the age group 1-5 years (44.5% and 57.8%, respectively) while in the North the rate was 88.9%. Overall, Varicella infection was independent of the socioeconomic level, but in the youngest age groups (1-10 years) seroprevalence rates were significantly lower in the high/medium socioeconomic class for most regions. Clinical history of chickenpox correlates well with anti- VZV seropositivity with a predictive value of 95.1% Conclusions: In preadolescence a substantial proportion of the Brazilian population is susceptible to Varicella infection, and a considerable part of the adolescents and young adults remain VZVseronegative and are thus also at risk.
Contido em Jornal de Pediatria : Rio de Janeiro. Rio de Janeiro. vol. 75, n. 6 (nov.-dez. 1999), p. 433-441
Assunto Estudos soroepidemiológicos
Estudos transversais
Varicela
[en] Epidemiology
[en] Varicella
Origem Nacional
Tipo Artigo de periódico
URI http://hdl.handle.net/10183/54352
Arquivos Descrição Formato
000248645.pdf (132.3Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.