Repositório Digital

A- A A+

Características do mercado de etanol no Brasil e nos Estados Unidos : uma análise do desempenho econômico a partir do ambiente institucional

.

Características do mercado de etanol no Brasil e nos Estados Unidos : uma análise do desempenho econômico a partir do ambiente institucional

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Características do mercado de etanol no Brasil e nos Estados Unidos : uma análise do desempenho econômico a partir do ambiente institucional
Autor Moura, Airton Pinto de
Orientador Lahorgue, Maria Alice Oliveira da Cunha
Data 2012
Nível Doutorado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Programa de Pós-Graduação em Economia.
Assunto Biocombustíveis
Brasil
Desenvolvimento econômico
Economia institucional
Estados Unidos
Etanol
Política energética
Sustentabilidade
[en] Economic performance
[en] Ethanol
[en] Institutional environment
Resumo O etanol tem desempenhado importante papel na economia brasileira deixando de ser visto apenas como um subproduto do açúcar e passando a ser encarado como uma solução alternativa e permanente ao problema de abastecimento de combustível em sua origem relacionado ao risco da insuficiência das reservas petrolíferas, à necessidade de utilização de fontes energéticas renováveis, bem como, dos conflitos armados em torno de sua posse. Neste cenário, Brasil e Estados Unidos despontam como os dois principais players do mercado de etanol correspondendo a aproximadamente 90% da produção mundial. Apesar de obterem o mesmo produto final, Brasil e Estados Unidos possuem variáveis institucionais significativas que afetam o desempenho econômico da atividade. A análise do efeito das instituições sobre o desempenho econômico dos países tem ganhando destaque nos estudos de economia realizados no Brasil nos últimos anos. Sob o ponto de vista institucionalista, o desempenho econômico surge como consequência de uma determinada configuração institucional, em que o aspecto histórico é relevante, uma vez que esse reflete, direta ou indiretamente, o tipo de postura a ser tomada pelos agentes nas esferas econômica, política, social e inovativa. Nessas condições, o presente estudo tem por objetivo analisar as características institucionais verificadas no mercado do etanol brasileiro e estadunidense e as respectivas influências no desempenho econômico dessa atividade. Sendo assim, ficaram evidentes grandes discrepâncias nas características institucionais entre os dois países, o Brasil com um produto oriundo da cana-de-açúcar, produz dois tipos de etanol: o hidratado e o anidro, além do açúcar que é proveniente da mesma matéria-prima, entretanto, a cana-de-açúcar não afeta diretamente outras cadeias produtivas. O etanol brasileiro, se comparado ao estadunidense, possui um menor custo de produção, uma menor emissão de gases, com mais disponibilidade de terras para plantio, contudo, sem um marco regulatório claro para o setor, já os Estados Unidos com um produto vindo do milho e que devido a sua crescente utilização para a produção de etanol afeta diretamente outras cadeias produtivas, possui regras claras, assim como, metas de produção de curto, médio e longo prazo, além de subsídios diretos ao setor. Fatos que, entre outros, afetam diretamente o desempenho do setor de etanol em ambos os países.
Abstract Ethanol has played an important role in the Brazilian economy is no longer seen solely as a byproduct of sugar and going on to be seen as a workaround and permanent to fuel supply problem in its origin related to the risk of insufficient oil reserves, the need for use of renewable energy sources, as well as armed conflicts surrounding his possession. In this scenario, Brazil and United States emerge as the two main players of ethanol market corresponding to approximately 90% of world production. Despite obtaining the same final product, Brazil and United States have significant institutional variables that affect the economic performance of the activity. The analysis of the effect of institutions on the economic performance of the countries has notability in the studies of Economics held in Brazil in recent years. From the point of view on my institutionalist's hat, the economic performance arises as a consequence of a particular institutional setting in which the historical aspect is relevant, since this reflects, directly or indirectly, the kind of attitude to be taken by the actors in economic, political, social and innovative. Under these conditions, the present study aims to analyse the institutional characteristics of market verified Brazilian ethanol and American and their influences on the economic performance of this activity. So were obvious institutional characteristics large discrepancies between the two countries, Brazil with a product come from sugar cane, produces two types of ethanol: hydrous and anhydrous, besides sugar that is coming from the same raw material, however, sugarcane does not affect directly other productive chains. Brazilian ethanol, if compared to the United States, has a lower cost of production, lower emissions, more availability of land for planting, however, without a clear regulatory framework for the sector, as the United States with a product coming from maize and that due to its increasing use for ethanol production directly affects other productive chains, have clear rules, as well as production goals, short-, mediumand long-term, as well as direct subsidies to the industry. Facts, among others, directly affect the performance of the ethanol industry in both countries.
Tipo Tese
URI http://hdl.handle.net/10183/54602
Arquivos Descrição Formato
000852050.pdf (3.740Mb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.