Repositório Digital

A- A A+

O cultivo de noz pecã no município de Itaqui-RS : o estudo de caso do sítio Parintins

.

O cultivo de noz pecã no município de Itaqui-RS : o estudo de caso do sítio Parintins

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título O cultivo de noz pecã no município de Itaqui-RS : o estudo de caso do sítio Parintins
Autor Lima, Sandra Soares de
Orientador Miguel, Lovois de Andrade
Co-orientador Silva, Camila Vieira da
Data 2011
Nível Graduação
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faculdade de Ciências Econômicas. Curso de Tecnólogo em Planejamento e Gestão para o Desenvolvimento Rural a Distância.
Assunto Agricultura familiar
Desenvolvimento rural
Itaqui (RS)
Produto agrícola
Recursos naturais
[es] Desarrollo rural
[es] Nuez pecan
[es] Pequeño agricultor
Resumo O sul do Brasil apresenta-se como uma região propícia para o cultivo da nogueira pecã e com um elevado potencial em tornar-se uma importante zona produtora. A elevada demanda pelo mercado consumidor pela noz pecã pode configurar um importante fator de estímulo aos produtores rurais e uma nova fonte de renda. Este estudo tem como tema a avaliação do cultivo de noz pecã no município de Itaqui. Destacando-se as possibilidades de diversificação da produção e a geração de emprego e renda. Pretende-se verificar as possibilidades de incremento na produção de noz pecã no município, especialmente em pequenas propriedades rurais. Este estudo teve como objetivo analisar as perspectivas para a produção da noz pecã, apresentar um estudo econômico, possibilidades de implantação do cultivo, produtividade e comercialização. Para tanto, realizou-se um estudo de caso no Sítio Parintins. A experiência do Sítio Parintins demonstrou que o produtor rural pode oportunizar o desenvolvimento da propriedade, através da renda obtida com a futura comercialização. No entanto, constatou-se que o cultivo da nogueira pecã exige um elevado investimento inicial e apresenta resultados econômicos positivos no médio e longo prazo. Além disso, observou-se como resultado que a noz pecã se trata de uma alternativa viável para os pequenos produtores rurais, em termos de diversificação de culturas e fonte de renda.
Resumen El sur de Brasil se presenta como una zona apta para el cultivo de la nuez pecán y con un alto potencial para convertir-se en una importante zona de producción. La alta demanda para el mercado de consumo de nueces puede establecer un importante estímulo para los agricultores y una nueva fuente de ingresos. Este estudio es avaluar la cuestión de la cosecha de nuez en el municipio de Itaqui. Destacando las posibilidades de diversificación de la producción y la generación de empleo e ingresos. Tiene la intención de examinar las posibilidades de aumento de la producción de nuez en la ciudad, especialmente en las pequeñas explotaciones. Este estudio tuvo como objetivo analizar las perspectivas para la producción de nuez, proporcionar un estudio económico, opciones de implantación del cultivo, la productividad y la comercialización. Con este fin, se hizo un estudio de caso sobre el Sitio Parintins. La experiencia en el Sitio Parintins ha demostrado que los agricultores pueden crear oportunidades para desarrollar la propiedad a través de ingresos de comercialización en el futuro. Sin embargo, se encontró que el cultivo de la nuez pecán requiere una alta inversión inicial y tiene buenos resultados económicos en el mediano y largo plazo. Por otra parte, se observó como una nuez de forma que es una alternativa viable para los pequeños agricultores en términos de diversificación de cultivos y los ingresos.
Tipo Trabalho de conclusão de graduação
URI http://hdl.handle.net/10183/54681
Arquivos Descrição Formato
000855496.pdf (990.0Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.