Repositório Digital

A- A A+

Anomalias da diferenciação sexual : as narrativas dos pais sobre a constituição da identidade de gênero

.

Anomalias da diferenciação sexual : as narrativas dos pais sobre a constituição da identidade de gênero

Mostrar registro completo

Estatísticas

Título Anomalias da diferenciação sexual : as narrativas dos pais sobre a constituição da identidade de gênero
Outro título Disorders of sex development: parents narratives about the gender identity constitucion
Autor Hamesath, Tatiana Prade
Orientador Sperb, Tania Mara
Data 2010
Nível Mestrado
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Psicologia. Curso de Pós-Graduação em Psicologia.
Assunto Diferenciação sexual
Gênero
Hermafroditismo
Identidade sexual
Narrativas
[en] Disorders of sex development (DSD)
[en] Gender identity
[en] Narratives
[en] Representations
[en] Sexual identity
Resumo O distúrbio da diferenciação sexual que resulta em ambiguidade genital na criança, denominado atualmente de Anomalias da Diferenciação Sexual (ADS), tem se constituído como um problema e um desafio aos profissionais que tratam desses casos. Apesar de existir um número considerável de estudos sobre o tema, ainda não há um consenso sobre sua extensão, manejo e repercussões para os pacientes e seus pais. Este estudo buscou investigar as representações de mães e pais, de crianças com ADS, sobre a identidade de gênero de seus filhos. Foram entrevistados 3 mães e 3 pais de filhos nascidos com ADS, de diferentes idades. A entrevista narrativa e a análise de conteúdo foram utilizadas, respectivamente, como forma de coleta e análise dos dados. Os resultados mostraram que, tanto mães quanto pais, atribuem fundamental importância à anatomia da genitália como critério para definição da identidade sexual da criança, base sobre a qual se constitui, ao longo de seu desenvolvimento, a identidade de gênero da mesma. O estudo também possibilitou o levantamento e discussão de outros aspectos considerados importantes na opinião das mães e dos pais entrevistados como, por exemplo, o impacto emocional do diagnóstico quando do nascimento da criança, a investigação etiológica, o tratamento da ADS, o manejo médico e questões acerca do futuro dos filhos com ADS, que foram discutidos na pesquisa.
Abstract The disorders of sexual diferentiation which result from genital ambiguity in children, nowadays called Disorders of Sex Development (DSD), have become a problem and a challenge for the professional team who deals with these cases. Besides a large number of articles about this issue, there is no consensus about its extension, management and repercussion for patients and their parents. This study investigated the representations of gender identity of mothers and fathers of children with DSD. Three mothers and three fathers of children of different ages with DSD were interviewed. Narrative Interview and Content Analysis were used, respectively, as procedures of data collection and data analysis. The results showed that both mothers and fathers assigned fundamental importance to the genital anatomy as a criterion for sexual identity definition based on which gender identity will develop. In addition, this study also highlighted others aspects considered as important by the interviewed parents, such as the emotional impact of the diagnosis at birth and during the etiological investigation and treatment, the medical management, and issues about their children with DSD future.
Tipo Dissertação
URI http://hdl.handle.net/10183/55065
Arquivos Descrição Formato
000856791.pdf (590.3Kb) Texto completo Adobe PDF Visualizar/abrir

Este item está licenciado na Creative Commons License

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(ões)


Mostrar registro completo

Percorrer



  • O autor é titular dos direitos autorais dos documentos disponíveis neste repositório e é vedada, nos termos da lei, a comercialização de qualquer espécie sem sua autorização prévia.
    Projeto gráfico elaborado pelo Caixola - Clube de Criação Fabico/UFRGS Powered by DSpace software, Version 1.8.1.